Capa da Publicação

10 fatos e curiosidades sobre os Jedi, de Star Wars!

Por Ishiro Oninawa

Os Jedi são figuras fundamentais no universo de Star Wars. Além do clássico visual ter ficado imortalizado na cultura pop, os guardiões da paz possuem o domínio da Força para garantir (ou ao menos tentar) o equilíbrio na imensidão do universo.

Pensando nisso, e para quem ainda não conhece as tradições, nomes notáveis e algumas curiosidades sobre a Ordem Jedi (fala sério, em que galáxia você vive?), segue uma lista de algumas coisas legais para saber sobre ela!

Sintam-se a vontade para contribuir com a lista e deixar suas próprias curiosidades nos comentários.

Créditos: Lucasfilm
Imagem de capa do item

Os Jedi eram raros

Mesmo no auge da república, estamos falando de pouco mais de 10 mil Jedi ativos, o que comparado à numeração incalculável de seres na galáxia, é um valor realmente diminuto.

Mesmo diversos filmes e animações focados em Jedi e usuários da Força, a verdade é que um ser comum da galáxia poderia passar a vida inteira sem ver, ou sequer ouvir falar, de um Jedi.

Em adição a isso tudo, a Ordem 66 do Imperador garantiu que os Jedi fossem basicamente considerados um mito durante a época da Rebelião.

Imagem de capa do item

O que significam as palavras Jedi e Padawan?

A Palavra Jedi deriva do termo japonês jidaigeki, um gênero de filme no Japão, geralmente dramas, onde mais frequentemente sim do que não, há cenas de lutas de espada entre samurais. Vários filmes que se enquadram nessa categoria foram produzidos pelo lendário cineasta Akira Kurosawa.

Padawan vem do sânscrito para "aprendiz", que basicamente engloba tudo que os jovens iniciados na ordem Jedi são.

Imagem de capa do item

Nem todo usuário do lado da luz da Força é Jedi

Assim como os Sith são apenas uma das tradições de uso do Lado Negro da Força, os Jedi não são os únicos seres a usufruírem dos poderes da Luz.

A própria Ahsoka Tano deixa a ordem Jedi mas continua uma usuária poderosa do lado da Luz. Maz Kanata é habilidosa com o lado luminoso da Força e nunca recebeu treinamento Jedi.

A Força é um elemento universal poderoso demais para ser descrito nas limitações de apenas um conjunto de regras de uma únicas tradição de usuários dela.

Imagem de capa do item

Os arquivos Jedi e os holocrons

Para os Jedi, o verdadeiro poder advém do conhecimento.

Os arquivos Jedi possuem quantidade incalculáveis de dados sobre a galáxia, incluindo mapas, informações zoo/geo/sociológicas, além de detalhes da história da ordem Jedi, os Sith, a Força e muito mais.

Os holocrons Jedi contém informações preciosas, como o nome de todas as crianças sensitivas da Força da galáxia, por exemplo. Esses artefatos estão disponíveis apenas para os mestres da Ordem, mas após a destruição dos Jedi mediante a Ordem 66, vários desses itens extremamente preciosos se perderam pela galáxia.

Imagem de capa do item

Os sabres de luz

O novo canon mudou a metodologia de criação dos sabres de luz, bem como as cores de seus fachos energéticos.

Agora a história diz que os Jedi inicialmente se conectam com um cristal kyber, para após isso, o cristal em si adquirir uma cor específica que reflete características do Jedi com o qual está ligado.

As sete formas marciais de combate com sabre de luz continuam, mas deixaremos para falar disso em uma outra lista.

Imagem de capa do item

Os templos Jedi

Existem centenas de templos Jedi pela galáxia, alguns menores, outros maiores, boa parte deles perdidos na história.

O templo mais famosos era o de Coruscant, onde durante a época da República, a cúpula da Ordem Jedi utilizava como moradia e base de operações.

Após a Ordem 66 e a destruição dos Jedi, o Imperador transformou o templo no Palácio Imperal.

Imagem de capa do item

Os vinte perdidos

Esse título se refere aos Mestre Jedi que deixaram a ordem ao longo de sua história. Por motivos variando desde diferenças de filosofia até corrompimento pelo lado negro, cada um desses mestres era um membro integral dos Jedi antes de partir em caminhos separados.

Conde Dooku, o aprendiz Sith de Palpatine antes de Darth Vader, foi o vigésimo e último mestre a deixar a ordem.

Imagem de capa do item

Espíritos Jedi da Força

Até o momento se associa essa habilidade com uma profunda conexão com a Força e seu lado luminoso.

Sabemos que Qui-Gon Jinn conseguiu se manifestar com um espírito da Força e posteriormente ensinou essa técnica para Obi-Wan, durante seu auto-exílio em Tatooine. Yoda, sendo um dos maiores mestres Jedi da história, também se tornou uno com a Força após a morte de seu corpo físico.

Finalmente, Anakin Skywalker foi capaz de se tornar um espírito, após um momento de redenção absoluta ao se sacrificar para salvar seu filho Luke do Imperador Palpatine.

Imagem de capa do item

Luke treinou por anos até dominar a Força

Ao contrário do desenvolvimento extremamente veloz de Rey, Luke Skywalker treinou por uns bons anos com Yoda.

A maioria dos fãs esquecem do lapso de tempo de 3 anos entre Uma Nova Esperança e O Império Contra-Ataca, onde Luke passou todo esse período praticando e aprimorando sua relação com a Força.

Os quadrinhos também revelaram que Luke descobriu alguns holocrons Jedi durante suas aventuras entre os episódios IV e V, aprendendo não somente as práticas físicas e teóricas dos Jedi, mas também absorvendo conhecimento histórico e filosófico da ordem.

Imagem de capa do item

Existem Jedi em nosso mundo (de certa forma)

Você sabia que uma quantidade notável de pessoas respondem censos por todo o mundo incluindo Jedi ou Jediismo como sua religião?

Apesar de alguns alegarem que isso seria uma forma de ironizar a metodologia do censo ou mesmo uma forma de protestar contra a inclusão de religiosidade no formulário, muitas pessoas defendem o Jediismo como uma religião séria, pregando os ideias de respeito mútuo por toda a vida na terra, bem como a proteção dessa vida e manutenção do equilíbrio entre os seres.

Imagem de perfil
Ishiro Oninawa

Streamer, youtuber, agora redator da Legião. Também sou poliglota, sabendo falar português, inglês e altos nada!