Capa da Publicação

10 fatos e curiosidades sobre o Império Shi’ar!

Por Chris Rantin

Mas você sabe tudo sobre os membros desse império? Se a resposta foi não, sem problemas. Confira agora 10 fatos e curiosidades sobre o Império Shi’ar!

 

Imagens: Divulgação

Imagem de capa do item

Primeira Aparição

A primeira menção ao Império Shi’ar acontece na edição 97 do primeiro volume da HQ dos X-Men, sendo escrita por Chris Claremont e desenhada por Dave Cockrum e publicada em fevereiro de 1976.

A história do quadrinho é focada no embate entre Ciclope e seu irmão Destrutor, mas durante a trama Charles Xavier sonha com Lilandra, os Shi’ar e o espaço sideral.

Imagem de capa do item

Espécie

Todos os Shi’ar são criaturas humanóides de sangue frio que, diferentemente dos humanos, evoluíram de um ancestral comum dos passáros.

Traços dessa ancestralidade pode ser visto nas penas que surgem na cabeça dos Shi’ar - sim, aquilo não é cabelo - e nos traços vestigiais de penas em seus braços, mostrando que há muito tempo atrás eles possuíam asas. As crianças Shi’ar nascem de ovos.

Imagem de capa do item

Poderes e Habilidades

Por causa da sua fisiologia diferente dos humanos, os Shi’ar são capazes de levantar grandes quantidades de peso em um ambiente com a gravidade semelhante a da Terra, além de possuir uma resistência muito maior a de uma pessoa comum.

Poderes especiais, no entanto, são ocorrências incomuns para os Shi’ar e poucos personagens foram descritos como possuindo algum tipo de habilidade especial - na maioria das vezes poderes mentais.

Imagem de capa do item

Lilandra Neramani

A grande imperatriz Lilandra Neramani é uma das personagens ligadas ao Império Shi’ar mais conhecidas das histórias. Irmã de Rapina e D’ken, ela ascende ao trono como líder dos Shi’ar uma vez que Rapina foi afastada como punição aos crimes que cometeu, enquanto D’Ken se revela como um grande ditador.

Possuindo alguns poderes telepáticos - ainda que isso não tenha sido muito explorado - Lilandra também é uma excelente lutadora corpo-a-corpo e expert na utilização da tecnologia Shi’ar, como armas extremamente avançadas.

Imagem de capa do item

Cal’Syee Neramani

Sendo considerada como uma mutante evolucionária por possuir traços mais semelhantes ao dos seus ancestrais - como asas e garras - Cal’Syee Neramani, a irmã de Lilandra mais conhecida como Rapina é uma vilã impiedosa que já armou diversos esquemas para conquistar o trono dos Shi’ar.

A vilã é tão habilidosa no combate corpo-a-corpo quanto sua irmã mas, como dito anteriormente, possui garras extremamente afiadas e asas que permitem que ela seja capaz de voar (e serem utilizadas no combate, graças a natureza rígida de suas penas).

Imagem de capa do item

Gladiador

Outro personagem extremamente conhecido, quanto o assunto é esse império, é o líder da Guarda Imperial Shi’ar, Kallark, mais conhecido como Gladiador. O personagem é claramente uma homenagem a ninguém menos que o Superman possuindo o mesmo conjunto de habilidades do herói da DC: Super-força, voo, visão de calor, sopro congelante…

Sendo o último sobrevivente de sua raça e um servo leal ao trono dos Shi’ar - sim, ao trono e não quem senta nele - independente dos seus sentimentos, ele obedece de maneira quase cega o que o imperador/imperatriz ordena.

Imagem de capa do item

Cristal M’Kraan

A primeira aventura dos Shi’ar junto dos X-Men envolve o poderoso Cristal M’Kraan, um item dito ser tão antigo quanto o tempo e repleto de possibilidades que poderia destruir todo o universo caso fosse quebrado.

O irmão de Lilandra, D’Ken desejava adquirir todo o poder do cristal para si mesmo, algo que colocava em risco o próprio universo. Por causa disso, Lilandra contata os X-Men e pede por ajuda. D’Ken é derrotado e, graças a Jean Grey e a Força Fênix, os danos causados ao cristal são reparados.

Imagem de capa do item

Fênix Negra

Infelizmente, o próximo grande envolvimento dos Shi’ar na história dos X-Men surge durante os eventos da Saga da Fênix Negra. Depois que Jean Grey, agora uma vilã imparável, destrói todo um sistema solar - matando inúmeros alienígenas inocentes no processo - o Império Shi’ar decide caçar a mutante e fazê-la pagar por seus atos com sua própria vida.

Mesmo sendo convencidos a fazer uma espécie de “julgamento por combate” para decidir o destino de Jean, agora já mais controlada, os X-Men não são páreos para a Guarda Imperial Shi’ar, sendo derrotados com imensa facilidade. No encerramento da saga, Jean comete suicídio para impedir que mais destruição acontecesse por sua causa.

Imagem de capa do item

Caça aos Grey

O potencial destrutivo da Fênix Negra foi tão assustador para os Shi’ar que eles decidiram tentar eliminar Jean Grey - que havia retornado - de uma vez por todas. Quando eles foram incapazes de matar a mutante, decidiram limpar a Terra daqueles que tivessem uma estrutura genética parecida com ela - o que significaria uma grande atração da Força Fênix para tornar essa pessoa um hospedeiro.

Assim sendo, os Shi’ar foram os responsáveis por matar praticamente todos os familiares de Jean, mesmo que eles não tivessem cometido nenhum tipo de crime.

Imagem de capa do item

Charles Xavier e Cassandra Nova

Nem todo mundo sabe, mas Charles Xavier teve um longo romance com Lilandra, chegando até mesmo a ser casado com a imperatriz alienígena e passando longas férias longe da Terra junto de sua amada.

Isso, no entanto, serviu muito bem aos planos de Cassandra Nova, a irmã maligna de Xavier, que assumiu o corpo do professor e, se aproveitando da proximidade com os Shi’ar, iniciou uma guerra civil - dizimando um grande número de pessoas sozinha. Quando Cassandra foi derrotada, Lilandra anulou o casamento com Xavier.

Imagem de perfil
Chris Rantin

Jornalista • Editor • Mestrando em Comunicação pela UEL • Instagram e Twitter: @Chris_Rantin • "Eu sou o fogo e a vida encarnados. Agora e para sempre eu sou a Fênix!"