Capa da Publicação

10 coisas que queremos ver na terceira temporada de “Fugitivos”!

Por Gus Fiaux

Fugitivos fez um excelente retorno com sua segunda temporada, trazendo mais ação e emoção para a aventura adolescente do Universo Cinematográfico da Marvel. Além disso, a nova temporada deixou em aberto alguns questionamentos para o futuro.

Pensando nisso, e lembrando de tudo que gostaríamos de ver sendo acrescentado à trama, separamos aqui as 10 coisas que queremos ver na terceira temporada de Fugitivos, desde perguntas não respondidas a novos personagens e crossovers!

Créditos: Hulu

Imagem de capa do item

Mais trabalho em equipe!

Como dito no item introdutório, a segunda temporada já mandou muito bem por calibrar mais a ação - algo que muitos fãs sentiram falta no primeiro ano da série. No entanto, isso é algo que pode vir ainda mais em peso no próximo ano.

Queremos ver mais trabalho em equipe em Fugitivos, considerando que agora eles estão aprendendo a lidar com seus poderes e lutar em conjunto. Se eles já mandaram bem na porradaria sozinhos, imagina o que podem fazer juntos!

Imagem de capa do item

Operação: Resgate

A segunda temporada terminou com um cliffhanger avassalador, conforme Chase e Janet Stein, além de Karolina Dean, foram capturados por Jonah e pelos Gibborim, que possuíram Victor Stein, Stacey Yorkes e Tina Minoru.

Quando a terceira temporada começar, queremos ver o que a equipe vai fazer para resgatar os que foram sequestrados - e eles precisam agir logo, senão um dos capturados vai servir de comida para os Gibborim. De qualquer forma, precisamos que isso seja resolvido já nos primeiros episódios.

Imagem de capa do item

Quem é o Príncipe Gibborim?

Quando a segunda temporada chega ao fim, descobrimos que há um quarto Gibborim que está se passando por algum membro dos Fugitivos - mas nós ainda não sabemos quem é. Há quem suspeite que se trate de Alex Wilder e há também quem acha que pode ser Nico Minoru.

No entanto, pelo menos no momento, pode ser literalmente qualquer um. E isso vai trazer consequências drásticas para a equipe, após tanto sofrimento na segunda temporada. Esperamos que esse mistério dure um pouco, até que finalmente seja revelado.

Imagem de capa do item

Alex Wilder, traidor?

Um dos desejos que alguns fãs possuem desde a primeira temporada é que Alex Wilder se prove um traidor, como acontece nos quadrinhos da equipe. Uma boa saída para isso seria colocá-lo como o Gibborim secreto, agindo como um espião duplo.

Isso permitiria que a série traçasse um caminho mais "fiel" às HQs, ao mesmo tempo em que Alex não precisa ser sacrificado ou tornar-se um traidor completo a serviço do ORGULHO - até porque isso seria impossível, considerando suas atitudes na segunda temporada.

Imagem de capa do item

O que vai acontecer com os hospedeiros?

Passado esse questionamento, precisamos saber ainda o que vai acontecer com os quatro hospedeiros dos Gibborim. Afinal de contas, o que vai restar para Victor Stein, Tina Minoru, Stacey Yorkes e o Fugitivo misterioso?

Ainda não sabemos exatamente como funciona o domínio dos Gibborim, mas queremos que os humanos pelo menos tenham uma chance de sobrevivência - especialmente o membro não-revelado da equipe e Stacey Yorkes, que amamos muito!

Imagem de capa do item

Xavolina

O final da temporada nos fez conhecer mais de Xavin, uma personagem que estava sendo mantida refém na nave de Jonah. Aos poucos, ela foi entrando em contato com Karolina Dean e os Fugitivos, até finalmente poder contar sua história.

Ainda não sabemos o que sua presença simboliza para o namoro de Karolina com Nico Minoru, mas certamente gostaríamos de vê-la junto com a Fugitiva, considerando todo o grande histórico que as duas possuem nos quadrinhos.

Imagem de capa do item

Precisamos falar sobre Nico Minoru

A segunda temporada fez com que Nico Minoru se tornasse a integrante mais poderosa da equipe, graças ao seu domínio sobre o Cajado do Absoluto. No entanto, algo está acontecendo de errado, uma vez que ela está ficando "possuída" pelo poder da arma.

No entanto, a sua transformação física nos lembra bastante o que aconteceu com os servos de Dormammu em Doutor Estranho. Queremos ver o desenrolar dessa história, mas seria legal se a trama estivesse conectada, de alguma forma, à Dimensão Sombria.

Imagem de capa do item

Fugitivos + ORGULHO

Pelo que o final deixou a entender, a terceira temporada de Fugitivos vai mostrar alguns membros do ORGULHO se unindo aos seus filhos para enfrentar os Gibborim, liderados por Jonah. E isso pode ser um excelente caminho para a história.

Devido à popularidade dos atores e ao desenvolvimento de suas tramas, os pais não devem morrer tão cedo, como nas HQs. Por conta disso, seria legal vê-los tendo uma participação mais ativa com os heróis - como já deve acontecer com Leslie Dean e Dale Yorkes.

Imagem de capa do item

Um novo integrante...

A segunda temporada nos surpreendeu à beça ao apresentar Xavin, uma importante personagem da mitologia dos Fugitivos nas HQs. E agora que a série está se encaminhando para ficar cada vez mais fiel, seria incrível se pudéssemos ver Victor Mancha na equipe.

O personagem é filho de Ultron - mas isso facilmente pode ser modificado, caso seja um problema - e acaba tendo uma participação meio ambígua na equipe, já que em um futuro alternativo, ele vira o vilão Vitorioso e acaba traindo o seu grupo.

Imagem de capa do item

O crossover!

Todos os produtores já falaram sobre isso, e já temos um grande histórico nos quadrinhos. O que mais queremos ver em um terceiro ano de Fugitivos é justamente um crossover com Manto e Adaga, a outra série teen da Marvel, exibida na Freeform.

Por mais que a ideia de uma reunião possa parecer difícil, pela diferença das emissoras, ainda seria muito interessante ver a dupla contrastante aparecendo junto dos Fugitivos no futuro, seja na série deles ou na dos fujões adolescentes.

Imagem de perfil
Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Demon to some... angel to others (ele/dele) || @gus_fiaux