10 Coisas que gostaríamos de ver em Star Wars – Episódio VII: O Despertar da Força!

Capa da Publicação

10 Coisas que gostaríamos de ver em Star Wars – Episódio VII: O Despertar da Força!

Por Gus Fiaux
Imagem de capa do item

Novos planetas e paisagens

Star Wars desde sempre foi uma franquia que agradou por seu visual espetacular, cheio de cenários e planetas inconcebíveis. Para O Despertar da Força, esperamos não apenas retorno a lugares clássicos - como Coruscant, mas também a exploração de novos terrenos.

Já sabemos da existência de um novo planeta, nomeado Jakku. Porém, gostaríamos de ainda mais novos planetas, e que cada um deles contenha uma marca visual diferenciada e única.

Imagem de capa do item

Ficção científica no melhor sentido da palavra

Estamos com saudade das insanas batalhas espaciais, de naves com visual incrível atirando para todos os lados, espécies alienígenas correndo soltas, exploração científica pesada e coisas do gênero.

Ainda que outras empreitadas recentes, como Star Trek e Guardiões da Galáxia tenham aparecido para revitalizar o gênero, nenhuma dela tem a carga cinematográfica de Star Wars, o que será suficiente para empurrar uma nova leva de space operas para os cinemas e televisões.

Imagem de capa do item

Ameaças majestosas

Star Wars é sempre lembrado pela quantidade e qualidade de seus vilões, cada qual rapidamente se tornando um ícone popular de peso. Aconteceu com os maiores, como Darth Vader e Conde Dooku, e até mesmo com alguns menores, como Darth Maul e General Grievous.

Esperamos que qualquer que seja o vilão central do novo filme - aparentemente, Kylo Ren, vivido por Adam Driver -, consiga imprimir no público a mesma sensação de majestosidade e superioridade que Darth Vader nos passava, décadas atrás, ao aparecer pela primeira vez em uma tela, rodeado por seus Stormtroopers enquanto invadia uma nave.

Imagem de capa do item

Siths, jedis e algo mais...

Geroge Lucas conseguiu criar uma mitologia própria dentro de seu universo, inserindo as figuras quase lendárias dos Sith e dos Jedis. Mas o mundo não para aí. Temos caçadores de recompensa, contrabandistas, chefões da máfia, políticos, civis e outros personagens que ajudam a dar forma e contorno a franquia.

Em Despertar da Força, esperamos ver ainda mais incorporação de novas ideias para personagens. Seria legal expandir o mundo e a forma como ele é desenvolvido. Seja por cientistas, artistas e até mesmo filósofos.

Imagem de capa do item

Duelos de sabre de luz

Para a época, os duelos envolvendo sabres de luz da primeira trilogia ficaram marcados na mente dos fãs. Anos depois, a trilogia prelúdio ofereceu um novo estilo de luta ainda mais articulado e bem desenvolvido com base em artes marciais variadas.

Em O Despertar da Força, esperamos uma evolução natural desses combates. Se pararmos para analisar, as lutas na segunda trilogia são mais velozes em decorrência do treinamento Jedi e dos Sith não serem tão raros. Na trilogia original, que se passa depois, com o fim das ordens - ao menos, da ordem Jedi -, as lutas passam a ser mais paradas e compassadas. No futuro, não sabemos como isso se desenrolaria, mas seria interessante seguir esse padrão.

Imagem de capa do item

Política

A franquia surgiu e cresceu em meio a uma excelente metáfora política e social. Assim como no mundo real, temos o governo vigente, a oposição e as forças auxiliares. Já vimos a república virar império e esse império ser dissolvido.

Então seria legal dar continuidade a essa temática, aproveitando até mesmo situações atuais - como ditaduras isoladas - para serem desenvolvidas no longa-metragem.

Imagem de capa do item

Nostalgia

Afinal de contas, é a revitalização de um clássico! O novo filme precisa passar uma abordagem nostálgica da história iniciada na década de 70, com algo que passe aos fãs a mesma sensação que vemos toda vez que a Estrela da Morte é destruída, ou quando Luke descobre o segredo por trás de seu parentesco com Lorde Vader.

A julgar pela última cena do mais recente trailer, isso não será difícil. Contudo, o filme não pode abusar de certos artifícios...

Imagem de capa do item

Independência

Um dos pontos fracos acusados pela maioria dos fãs a respeito da trilogia prelúdio é a forma com a qual as referências são feitas, de modo que tudo parece ser uma desculpa para encaixar algum easter egg da trilogia original. A nova série de filmes deve se afastar ao máximo disso.

Tudo bem, sabemos que se passa no mesmo universo e que tudo que acontecerá aqui foi antecedido pelos filmes já lançados. Mas precisa ficar revisitando isso toda hora?

Imagem de capa do item

Motivos

O item anterior desenrola justamente aqui: sabemos que os personagens de filmes anteriores terão seu retorno em O Despertar da Força. Porém... tem de haver uma necessidade muito maior que alguns milhões de dólares a mais na bilheteria. Luke Skywalker e companhia precisam estar intimamente ligados ao que está acontecendo na trama.

E esse poderia ser o filme de despedida deles, de modo que os próximos dois se foquem nos personagens criados para esse longa-metragem.

Imagem de capa do item

O Despertar da Força

Com um título desses, tudo que esperamos é que a Força esteja se manifestado depois de longos anos sem ter dado as caras. E esperamos que isso venha trazendo um importante papel no longa, uma vez que, na franquia, a força tem um papel quase religioso.

Esse despertar poderia ser sentido por outros jedis e sith, e quem sabe, até mesmo provocar um filme de perseguição. Além disso, outra ideia plausível seria outra profecia em torno de um escolhido.

Imagem de perfil
Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Demon to some... angel to others (ele/dele) || @gus_fiaux