Power Rangers Universe revela a origem do Ranger Fantasma

Capa da Publicação

Power Rangers Universe revela a origem do Ranger Fantasma

Por Nick Narukame

Atenção: Alerta de Spoilers!

Power Rangers é uma das franquias mais antigas ainda em alta entre o público nerd. A série, inspirada nos tokusatsus japoneses, permanece em destaque mesmo 30 anos após seu lançamento, e foi só depois de todo este tempo que um dos personagens mais misteriosos da franquia teve suas origens reveladas. A primeira edição de Power Ranger Universe trás para os fãs da série tudo sobre o enigmática Ranger Fantasma, um forte aliado dos rangers principais que fez várias participações em vários títulos da série (via CBR).

A história se passa no planeta 0117, em um passado distante, com um cientista chamado Chendil estudando métodos de criação de portais interdimensionais. A figura blindada que aparece usando os portais, apresentada como Morphinaut pela trama, pode ser reconhecida pelos fãs como o famoso Ranger Fantasma, confirmando uma antiga teoria que ponderava sobre o fato dele ser um explorador da Rede Morphin.

Página da HQ

Após passar pelo portal, no entanto, ele se depara com o interior da Grade Morphin e decide que o melhor a se fazer seria fechar o portal por dentro, para que ninguém mais tivesse acesso aos horrores que a Grade Morphin apresentava. Assim, ele se trancou lá dentro, sendo encontrado apenas 600 anos depois por uma equipe de aventureiros.

Infelizmente, ainda existem muitos segredos por trás da origem do Ranger que ainda estão longe serem revelados, sendo essa apenas a ponta de um iceberg ainda mais complexo do que os fãs esperavam encontrar. Mas esta pequena migalha de informação já é o suficiente para despertar um vórtex de teorias, o que fará com que os leitores aguardem ansiosamente pelos próximos capítulos de Power Rangers Universe.

E você? Quais são suas teorias sobre o Ranger Fantasma? Divida com a gente nos comentários!

Aproveite e confira também:

Imagem de perfil
sobre o autor Nick Narukame

Graduada em Letras pela UFF, moradora do fim do mundo, escritora amadora e cosplayer sem talento. Dotada com o superpoder de fazer as piadas mais sem graça da face da terra. Se quiser alimentar, dê chocolate. || @narukamenick