Capa da Publicação

Doutor Estranho 2: Confira a bilheteria do primeiro fim de semana do filme da Marvel

Por Gus Fiaux

Lançado na última quinta-feira (05), Doutor Estranho no Multiverso da Loucura dá ao herói místico da Casa das Ideias mais uma aventura para chamar de sua. Aqui, vemos Stephen Strange em uma disputa épica contra a Feiticeira Escarlate, enquanto o destino do Multiverso é colocado em risco. E nas bilheterias, o mais novo longa de Sam Raimi tem se provado um verdadeiro estrondo.

De acordo com o Collider, o filme conquistou cerca de US$ 185 milhões nas bilheterias norte-americanas, somado aos US$ 265 milhões que fez ao redor do mundo. Com isso, o mais novo capítulo do Universo Cinematográfico da Marvel acaba de bater uma marca impressionante: US$ 450 milhões em seu primeiro final de semana.

Essa é a segunda maior bilheteria feita por um longa-metragem após a pandemia, perdendo apenas para outro filme bem-sucedido da Marvel StudiosHomem-Aranha: Sem Volta para Casa. Além disso, ele fica em quarto lugar na lista de maiores bilheterias de estreia da Marvel, perdendo para Vingadores: Guerra InfinitaUltimato e o terceiro filme do Amigão da Vizinhança.

Cena de Doutor Estranho no Multiverso da Loucura

Essa bilheteria fica ainda mais impressionante se pensarmos que o filme não estreou em duas potências que sempre trazem muito dinheiro para esse tipo de lançamento: A Rússia e a China. No primeiro país, o filme não foi exibido devido aos bloqueios culturais impostos pelos Estados Unidos após a invasão de Putin na Ucrânia e a guerra causada por isso.

Já a China tem se fechado cada vez mais para o mercado exterior, com filmes como EternosShang-Chi e a Lenda dos Dez Anéis também sendo excluídos de seu calendário de lançamentos. Com Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, a coisa fica um pouco mais densa devido a inclusão de personagens LGBTQIA+ e o uso de materiais que são banidos no país.

Doutor Estranho no Multiverso da Loucura está em cartaz nos cinemas.

Abaixo, veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux