Wolverine e Dentes-de-Sabre: Tudo que você precisa saber sobre uma das maiores rivalidades das HQs

Capa da Publicação

Wolverine e Dentes-de-Sabre: Tudo que você precisa saber sobre uma das maiores rivalidades das HQs

Por Gus Fiaux

Dois dos maiores rivais da cultura pop, o Wolverine e o Dentes-de-Sabre sempre tiveram uma história complexa e regada a sangue, com a dupla tendo se enfrentado centenas de vezes – e até tendo sido aliados ocasionalmente. Os fãs que só acompanharam os filmes dos X-Men podem ter ficado um pouco perdidos com relação às dinâmicas dos personagens, especialmente no que diz respeito a possíveis ligações familiares.

Mas aqui, vamos tentar esclarecer um pouco as coisas e explicar como funciona a relação entre James Howlett e Victor Creed nos quadrinhos e comparar com a adaptação vista em X-Men: O Filme e a sua prequel X-Men Origens: Wolverine. Separe suas garras, presas e o seu fator de cura para conhecer um pouco mais da rivalidade mais sanguinária entre os mutantes da Marvel Comics!

Wolverine e Dentes-de-Sabre pelo artista Simone Bianchi.

Nos quadrinhos

Nas HQs, o Dentes-de-Sabre surgiu originalmente como um vilão do Punho de Ferro, fazendo sua estreia nas páginas de Iron Fist #14, de 1977 – apenas três anos após o surgimento do Wolverine. Mutante desde o princípio, Victor Creed era um personagem selvagem e aterrorizante que estava sempre caçando vários heróis, como uma espécie de mercenário.

Pouco a pouco, ele foi conhecendo e confrontando Logan – mas essa história sofreu uma série de retcons ao longo dos anos, para que ele se transformasse em uma besta completa com várias ligações ao passado do Wolverine. Isso certamente fez com que vários fãs teorizassem que Logan e Victor eram, na verdade, irmãos – mas aos poucos, isso foi sendo desmentido até que descobrimos que o irmão de Wolverine era Cam.

No início de sua história, Victor era um mutante maltratado pelo pai, que queria “expurgá-lo de seu demônio”. Um dia, ele conseguiu se livrar do homem e chegou a matá-lo. Depois disso, ele passou anos torturando e machucando seu irmão Saul – até que um dia, Saul foi morto por uma figura misteriosa, e Victor acreditava que se tratava do Wolverine.

Ele então levou Wolverine até a base do Senhor Sinistro – o Dentes-de-Sabre trabalhava para ele na época -, onde o vilão começou a conduzir uma série de experimentos genéticos e psicológicos em Logan. Com o tempo, Wolverine foi libertado por uma cientista chamada Claudia Russell e, a partir daí, desenvolveu uma grande rivalidade com o seu captor.

Durante muitos anos, Wolverine e Dentes-de-Sabre se atacavam como inimigos – o que só piorou depois que Victor matou e abusou de Silver Fox, a namorada de Logan na época. Depois disso, ele também foi cooptado pelo Arma X e serviu de cobaia para incontáveis experimentos, mas não chegou a receber o “envelopamento de adamantium” em seus ossos, como Wolverine.

Quando o Wolverine se juntou aos X-Men, Dentes-de-Sabre continuou atacando-o, seja sozinho ou junto de outras equipes de vilões, como os Carrascos e até a Irmandade dos Mutantes. Em anos recentes, ele acabou virando um herói por conta dos efeitos do evento Vingadores e X-Men: EIXO, mas já voltou a ser um vilão e atualmente é um dos poucos presos de Krakoa, engolido pela ilha por não abdicar de suas práticas sanguinárias.

Hugh Jackman e Liev Schreiber como Logan e Victor Creed em X-Men Origens: Wolverine.

Nos cinemas

Já nos cinemas, a coisa muda um pouco de figura. O Wolverine apareceu pela primeira vez em X-Men, de 2000, e ali podíamos vê-lo enfrentando o Dentes-de-Sabre que fazia parte da equipe de mutantes liderada por Magneto. Os dois não chegam a trocar muitas palavras (até porque o Dentes-de-Sabre passa mais da metade do filme mudo), mas ainda assim temos alguns momentos bem intensos de ação entre os personagens.

No entanto, em 2009, a Fox decidiu dar um reset na história de Logan e mostrar suas raízes em X-Men Origens: Wolverine. Nesse filme, James Howlett – que depois muda seu nome para Logan – era o filho de uma família bem rica e abastada no Canadá. Entretanto, ele era fruto de adultério, já que a sua mãe havia se envolvido com o caseiro da mansão – e pai de Victor Creed.

Assim sendo, os dois são vistos como meio-irmãos e fogem durante anos, participando de diversas lutas e batalhas até que são chamados para participar do projeto Arma X, onde atuam como mercenários em diversas missões pelo mundo. Em uma dessas missões, eles acabam tendo um desentendimento quando Logan se recusa a matar pessoas inocentes, e isso faz com que os dois se afastem.

Anos depois, Victor volta como um vilão, perseguindo e matando todos que participavam do programa, a pedido do próprio Arma X. Ele mata Kayla Silverfox, a namorada de Logan, e isso desencadeia uma espiral de vingança na cabeça do herói – que inclusive aceita ter seus ossos revestidos com adamantium para caçar seu “irmão”. O projeto é um sucesso e no fim, os dois lutam mais uma vez entre si.

Contudo, com o surgimento da “cartada especial” do Arma X – o Deadpool – eles acabam tendo que se unir para que possam sobreviver. O filme então termina com cada um deles seguindo seu próprio rumo e não há conexões maiores com X-Men (2000), mais uma das falhas grotescas de continuidade na saga da Fox. O Dentes-de-Sabre inclusive deveria reprisar seu papel em Logan, onde seria o chefe de um cassino em Vegas, mas a ideia não foi para frente.

Abaixo, veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux