Capa da Publicação

WandaVision: Produtora diz que há um “motivo triste” por trás da troca de atores do Mercúrio

Por Gus Fiaux

WandaVision acabou há um mês, mas ainda deixa saudade nos fãs. Afinal de contas, foram nove semanas cheias de teorias, especulações e perguntas que abriam lugar para ainda mais perguntas toda vez que qualquer uma delas era solucionada. Porém, um dos elementos que pegou os fãs de surpresa foi a escalação de Evan Peters no papel do Mercúrio. Isso fez muitos cogitarem a possibilidade do Multiverso integrado da Marvel com os filmes dos X-Men da Fox. Contudo, não era bem esse o plano original dos criadores da série…

No último episódio de WandaVision, nos é revelado que esse Mercúrio é, na verdade, Ralph Bohner disfarçado, com poderes conferidos pela própria Agatha Harkness. Essa revelação deixou boa parte dos fãs decepcionada, mas a produtora Jac Schaeffer deu uma explicação muito boa a respeito de como chegou à ideia de escalar outro ator para interpretar o irmão de Wanda Maximoff. Em entrevista à Empire, a showrunner de WandaVision disse que essa trama foi inspirada em conceitos importantes do luto:

“Nós tínhamos um consultor sobre luto, que vinha à sala de roteiristas. Então, fizemos nossas pesquisas sobre luto e perda, e há muita coisa sobre como as pessoas lembram de rostos. A ansiedade de não lembrar do rosto de seus amados, de lembrar deles de forma errônea ou ativamente não lembrar de algo em uma tática de autopreservação… tudo isso se tornou fascinante para nós e achamos que, ao escalar Evan [Peters] nesse papel, não teria apenas aquele efeito para Wanda, mas poderia trazer essa ‘meta-camada’ para todo o público também.”

Ela também foi questionada sobre a voracidade dos fãs a respeito do Mercúrio, e como as teorias e especulações podem ter estragado algumas reações em relação à série. Schaeffer disse que chegou a ser alertada por produtores como Mary Livanos e o próprio Kevin Feige, e ainda comentou algo a respeito do que nos espera no futuro da Feiticeira Escarlate, mas concordou que boa parte das teorias era insana:

“Eu não tinha esperado por isso. Eu não sei, talvez Mary Livanos e Kevin Feige tenham dito: ‘É, é assim o tempo todo’, mas eu fiquei… digo, essas teorias são loucas! Então, não é que não seja parte do meu pensamento, e também, esse não é o meu departamento. Eu tenho muita sorte de poder ouvir sobre os outros projetos e às vezes eu fico tão envolvida nessas conversas. Eu sei um pouco mais das coisas que Lizzie [Elizabeth Olsen] vai fazer. Mas isso é algo maior e mais refinado, o que você está me questionando.

Embora a revelação do “Fietro” tenha decepcionado os espectadores que esperavam algo a mais, é um tema bem interessante e que casa com toda a proposta da série, que sempre foi explorar os traumas de Wanda Maximoff, especialmente o luto contido por todas as perdas de sua vida. Agora, ela finalmente se transformou na Feiticeira Escarlate e fechou alguns capítulos de sua história – mas ainda sentimos que o que está por vir será ainda mais traumático e assombroso.

O Mercúrio foi interpretado por Aaron Taylor-Johnson em Vingadores: Era de Ultron.

Essa explicação dá uma aprofundada ainda maior nos temas e tramas abordados na série. Quem acompanhou todos os episódios de WandaVision sabe que a produção se propôs a trabalhar muito o lado psicológico da Feiticeira Escarlate, dando a ela uma espécie de “encerramento emocional” em seu processo de perda e luto. E mesmo que os fãs tenham ficado descontentes com a resolução da subtrama do Mercúrio, ainda é interessante ver esse lado mais psicológico da coisa sendo debatido.

WandaVision está disponível no Disney+. A Feiticeira Escarlate também vai retornar em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura.

Abaixo, entenda o significado de cada comercial de WandaVision:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux