Capa da Publicação

Sherlock Holmes 3: O filme vai acontecer?

Por Gus Fiaux

Em 2009, surgia uma adaptação bem interessante do detetive mais famoso de todos os tempos. Guy Ritchie, o diretor famoso por seus filmes altamente estilizados e anacrônicos, presenteou o mundo com Sherlock Holmes, filme baseado na criação homônima de Arthur Conan Doyle. No papel principal, assumia Robert Downey Jr., acompanhando pelo Dr. Watson interpretado por Jude Law. 

Desde então, tivemos uma sequência lançada em 2011, mas muitos fãs esperam por um terceiro filme que possa, ao menos, encerrar uma trilogia do personagem. Desde o lançamento do último longa, já se passaram quase dez anos e muita coisa mudou, com o filme entrando e saindo de vários estágios de desenvolvimento. Mas aqui, iremos explicar o que está acontecendo com Sherlock Holmes 3.

Um breve histórico da franquia

Sherlock Holmes foi lançado em 2009, produzido e distribuído pela Warner, com direção de Guy Ritchie. O filme não se baseava em nenhum dos livros escritos por Arthur Conan Doyle, mas mostrava o início da amizade e da parceria entre Sherlock Holmes e John Watson, enquanto os dois caçavam o temível Lorde Henry Blackwood, um serial killer que supostamente mexia com ocultismo e magia sombria.

O filme traz Robert Downey Jr. no papel central, apenas um ano após sua estreia bombástica como o Homem de Ferro nos cinemas. Jude Law assume o papel de Watson, enquanto Henry Blackwood é interpretado por Jude Law. Compondo esse elenco majestoso, ainda tínhamos Rachel McAdams no papel de Irene Adler e Eddie Marsan interpretando o Detetive Lestrade.

O filme foi um sucesso do público, arrecadando US$ 524 milhões mundialmente com base no orçamento de US$ 90 milhões. Assim sendo, a Warner não perdeu tempo e, dois anos depois, lançou a sequência, intitulada Sherlock Holmes: O Jogo de Sombras. Nesse segundo filme, somos apresentados a outros personagens da mitologia do detetive, como o brilhante vilão Moriarty e o irmão do próprio Sherlock, Mycroft Holmes.

O elenco do longa também conseguiu nomes grandes. Jared Harris interpretou o antagonista, enquanto Mycroft foi vivido por Stephen Fry. Há também Noomi Rapace, no papel de uma cartomante que auxilia os heróis. O filme arrecadou o mesmo que seu antecessor, mesmo com um orçamento um pouco maior (US$ 125 milhões). No entanto, a recepção da crítica foi um pouco mais morna para a continuação.

Por que Sherlock Holmes 3 ainda não saiu do papel?

Há uma série de fatores que podem explicar isso. Se levarmos em conta a bilheteria, não faz muito sentido a demora para se produzir um terceiro longa. Os dois filmes possuem arrecadações boas para filmes com orçamentos menores (isso se levamos em conta o padrão megalomaníaco dos filmes de super-heróis e de grandes franquias). Tampouco não faz sentido analisar a recepção da crítica como um fator. O segundo filme teve 59% de aprovação no Rotten Tomatoes, mas a Warner já deu continuidade a franquias com recepções bem piores.

Porém, há um fator determinante nessa história: tempo e agenda. Como muitos de vocês sabem, Robert Downey Jr. acabou explodindo no papel do Homem de Ferro, tornando-se um dos maiores nomes do Universo Cinematográfico da Marvel. Não apenas isso, o ator quase se tornou exclusivo da Marvel Studios. Entre 2012 e 2019, Downey só atuou com destaque em um filme, O Juiz. Fora isso, ele apenas fez participações especiais em outras produções.

Só nesse meio tempo, Downey apareceu em sete filmes do MCU reprisando o papel de Tony Stark. Sua agenda muito provavelmente estava abarrotada durante esse período, e essa talvez seja a maior justificativa para o porquê de tanta demora na produção de Sherlock Holmes 3. No entanto, é importante ressaltar que já em 2011 a Warner estava discutindo sobre uma continuação, chegando a contratar roteiristas para escreverem a sequência.

Porém, muitos problemas e atrasos parecem ter acontecido desde então. Entre eles, podemos destacar a saída de Guy Ritchie, que ou não foi chamado pela Warner ou apenas não quis retornar para um terceiro filme. De um jeito ou de outro, as negociações continuaram…

Como foram as negociações

Em 2011, Drew Pearce (Homem de Ferro 3, Velozes e Furiosos: Hobbs & Shaw) foi contratado para escrever o roteiro do terceiro filme, mas logo foi substituído por Justin Haythe (Operação Red Sparrow, Morbius). Depois, Jude Law falou sobre o projeto em 2013, dizendo que confiava na direção da Warner Bros. e que as coisas estavam sendo desenvolvidas lentamente.

Em 2015, um produtor do filme chamado Lionel Wigram chegou a dizer, em entrevistas para promover O Agente da U.N.C.L.E., que o roteiro ainda estava sendo escrito, mas que Jude Law e Robert Downey Jr. retornariam para a sequência. Em 2016, foi a vez do próprio Robert Downey Jr. dizer que o longa seria gravado no final daquele ano, algo que acabou não acontecendo.

No fim de 2016, a Warner – ainda não satisfeita com o roteiro – decidiu contratar não apenas um, mas uma sala inteira de roteiristas para tomar conta do longa. Entre os envolvidos, Nicole Perlman (Guardiões da Galáxia) e Gary Whitta (O Livro de Eli) foram chamados. Posteriormente, a Warner descartou esse desenvolvimento e chamou Chris Brancato (criador de Narcos) para assumir o roteiro – e parece que essa é a versão atual que existe.

Em 2019, o estúdio surpreendeu o público ao chamar Dexter Fletcher para assumir a direção no lugar de Guy Ritchie. Dexter ficou famoso por comandar as refilmagens de Bohemian Rhapsody e por dirigir Rocketman. O diretor está até hoje ligado ao projeto, embora a crise do coronavírus tenha causado mais um adiamento nas gravações.

Qual é o status atual do filme?

Até o momento, o futuro de Sherlock Holmes 3 ainda é um mistério, muito devido à crise sanitária global do COVID-19. Com muitas produções adiadas e filmagens estagnadas, os estúdios estão priorizando projetos com alta taxa de retorno e que já estejam firmes em seu planejamento. Recentemente, o próprio diretor Dexter Fletcher falou um pouco sobre o longa:

“[Esse filme do] Sherlock já tem os seus próprios problemas para lidar. Vamos cozinhando o filme a banho-maria, por enquanto, até que fique claro qual é o estado do mundo e o que vai acontecer.”

Apesar disso, é importante mencionar que Robert Downey Jr. ainda não desistiu da franquia. Ele e sua esposa, a produtora Susan Downey, comentaram também em outubro de 2020 que pretendem criar um universo compartilhado para Sherlock Holmes através de filmes, spin-offs e até mesmo séries produzidas em parceria com o HBO Max.

Por ora, ainda temos que esperar para ver qual será a proposta por trás desse universo, mas tudo vai depender se Sherlock Holmes 3 sair ou não do papel. Até o momento, sabemos que há um roteiro e que o filme possui um diretor, além de já termos o retorno de Downey Jr. e Law confirmado. Porém, não há notícias sobre o início das gravações e nem mesmo uma data de lançamento anunciada.

Abaixo, relembre os 10 maiores detetives da ficção:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux