Senhor Milagre: Filha de heróis da Liga da Justiça vira vilã em HQ da DC

Capa da Publicação

Senhor Milagre: Filha de heróis da Liga da Justiça vira vilã em HQ da DC

Por Arthur Eloi

Os quadrinhos da DC são marcados por várias gerações de heróis, e é bem comum que os filhos de nomes como Superman e Batman assumam o manto dos pais. Mas o que acontece quando o descendente de heróis vira, na verdade, um vilão? É o que rolou nas páginas do Senhor Milagre.

Em Mister Miracle #3 (via CBR), Shilo Norman, o atual Senhor Milagre, descobre sobre N’vir Free, a filha da Grande Barda com Scott Free, antecessor ao seu manto. Diferente de outros casos das HQs, a filha dos heróis não segue o mesmo caminho que os pais, e decide embarcar em uma jornada por poder absoluto. No entanto, não fica claro se o que ele está vendo é o futuro de N’vir ou uma versão de uma realidade alternativa.

A HQ mostra como N’vir Free partiu em busca das Caixas Maternas e, ao reunir todas, se tornou uma ditadora espacial aos moldes de Darkseid. Na verdade, a personagem talvez seja ainda mais poderosa que o tirano de Apokolips, para o descontentamento de seus pais, ambos membros da Liga da Justiça.

Dotada da força de Grande Barda e da habilidade de combate da heroína e do Senhor-Milagre, N’vir Free chega a utilizar a imagem de seus pais como símbolo de opressão, erguendo uma grande torre com o rosto dos guerreiros. O ato fica ainda mais perverso quando lembramos que tanto Barda quanto Scott passaram anos lutando contra a opressão de Apokolips e tudo que Darkseid representa.

Para o temor dos pais, N’Vir Free se tornou tirana que nem Darkseid, construindo um império intergalático

Escrita por Brandon M. Easton, com ilustrações e cores por Fico Ossio, a série mais recente do Senhor Milagre se chama Mister Miracle: The Source of Freedom, e já está sendo publicada nos Estados Unidos desde maio de 2021. Ainda não há previsão de chegada para a série ao Brasil.

Aproveite e confira tudo sobre Injustice, história da DC que ganhará animação:

Imagem de perfil
sobre o autor Arthur Eloi

Repórter entusiasta de filmes ruins, jogos de tiro e de horror em todas as suas formas. Dá notas duvidosas para obras questionáveis • @ArthurEloi117