Capa da Publicação

Resident Evil Village: Conheça todos os chefes do game

Por Lucas Rafael

Atenção: Alerta de Spoilers!

Resident Evil: Village está entre nós. O game, que mostra a jornada de Ethan Winters desvendando um vilarejo europeu em busca da filha, apresenta uma nova – e sinistra – galeria de chefes que você deverá enfrentar antes dos créditos rolarem. Mas qual a história e os segredos por trás desses vilões? Neste Guia Legionário, te contamos tudo sobre cada um deles!

Da vampirona gigante conhecida como Lady Alcina Dimitrescu passando pela mestre de marionetes Donna Beneviento até o disforme Moreau, o enigmático Heinesberg e, claro, a “mãe” de todos eles: Mãe Miranda, eis tudo que você precisa saber sobre os chefes de Resident Evil 8. 

 

Quem são os quatro lordes do vilarejo?

Os quatro lordes juntos de Mãe Miranda.

Já no comecinho de RE8, o jogo te apresenta aos quatro lordes que servirão de chefes em sua jornada.

Cada um deles pertence à uma família distinta que governa uma região do vilarejo. Todas as quatro casas servem abaixo da autoridade de Mãe Miranda.

As quatro casas são:

  • Casa Dimitrescu – regida por Alcina Dimitrescu

  • Casa Heisenberg – regida por Karl Heisenberg

  • Casa Moreau – regida por Salvatore Moreau

  • Casa Beneviento – regida por Donna Beneviento.

Em cima, da esquerda para a direita: os símbolos da casa Dimitrescu e Beneviento. Em baixo, da esquerda para a direita: símbolos da casa Moreau e Heisenberg.

O símbolo das quatro casas unidas lembra bastante o usado pela Umbrella Corporation, a famigerada empresa responsável pela criação do T-Vírus e pelos eventos-chave da franquia Resident Evil. Seria isso uma coincidência? Calma que mais pra frente a gente explica!

Mas qual a história, os poderes e algumas curiosidades sobre cada uma das figuras regentes dessas casas? Você sabia que cada um dos lordes de RE8 possui uma bagagem sinistra em seu passado, envolvendo experimentos e causos medonhos. Quer ver? Então confira a seguir:

Lady Alcina Dimitrescu

Lady Dimitrescu: a vampira mais alta do leste europeu.

O castelo Dimitrescu é uma das primeiras áreas do game, regida pela gigante Alcina Dimitrescu, figura de proeminência no marketing de Resident Evil 8 que pegou a internet completamente desprevenida. Mas afinal, quem é ela? Qual a razão de seus poderes? E o seu passado? É o que te contamos logo a seguir!

A história de Lady Dimitrescu

Matriarca da família Dimitrescu, Alcina herdou o imponente Castelo Dimitrescu – uma fortaleza que pertence à sua casa desde sua construção na era medieval, feita sobre uma montanha localizada num misterioso vilarejo do leste europeu.

O problema é que Alcina herdou mais do que apenas o castelo da família: ela nasceu com uma rara doença sanguínea que também afligiu seus ancestrais.

Aí pelos anos 1950 (ou talvez antes, já que o game não deixa claro), Lady Dimitrescu conheceu Mãe Miranda, uma figura misteriosa que era tida como uma deidade pelos camponeses locais.

Miranda infectou Alcina Dimitrescu com uma arma biológica conhecida como Cadou, que deu poderes e qualidades sobrehumanas para a matriarca. Que poderes e qualidades são esses, você pergunta?

Quais os poderes de Lady Dimitrescu?

Lady Dimitrescu e suas garrinhas

Graças à infecção gerada pelo Cadou, Alcina desenvolveu um fator de cura acelerado, força acima do convencional para humanos e longevidade vital, envelhecendo somente até os 44 anos.

Além disso, Dimitrescu conta com dedos retráteis que se tornam garras ao seu bel-prazer, permitindo que ela dilacere suas vítimas a qualquer momento.

Havia, é claro, uma “pegadinha”: esses poderes não se manteriam de graça. Para estabilizar sua capacidade regenerativa, graças à doença sanguínea que Dimitrescu possuía, ela precisaria se alimentar de sangue humano.

Qual é a altura de Lady Dimitrescu?

Graças ao consumo excessivo de sangue e carne humanos para preservar suas mutações, Alcina Dimitrescu acabou crescendo até alcançar a impressionante altura de aproximadamente 2,5 metros, fazendo com que ela se abaixe e se esprema para conseguir atravessar as portas e passagens do castelo que herdou.

As filhas de Lady Dimitrescu

Um retrato das filhas de Alcina.

Quem jogou ou acompanhou alguma jogatina de Resident Evil: Village notou que Alcina não está sozinha no castelo Dimitrescu, contando com a companhia de três belas e sanguinárias filhas: Daniela, Bela e Cassandra.

As três filhas são resultados de experimentos realizados por Alcina — possivelmente com a ajuda de Mãe Miranda — utilizando insetos que nasciam de Cadou, após esse inserir seus ovos num hospedeiro (nojento, eu sei, mas ei, é de Resident Evil que a gente tá falando).

As filhas de Alcina foram feitas através de enxames dessas moscas, podendo mudar de forma, alternando entre sua aparência “humana” e véus de insetos sanguinolentos.

As moscas nascidas dos ovos de Cadou consomem toda a carne do hospedeiro para então emularem sua forma através de um enxame.

Umas das filhas Dimitrescu prestes a te morder.

Graças à composição de seus corpos, todas as filhas de Alcina mantiveram também sua juventude e a predileção por sangue humano, o nutriente favorito das moscas que integram seus corpos.

Há uma fraqueza, no entanto: os insetos não resistem a temperaturas abaixo de 10 °C, pois o frio danifica seu metabolismo e os torna vulneráveis.

As filhas de Alcina obedecem rigorosamente às ordens da mãe, que também preza pelo seu bem-estar coletivo, mesmo que ele envolva assassinar camponeses e a criadagem do castelo em busca de sangue.

Qual a forma Mutante de Lady Dimitrescu?

A forma Mutante de Lady Dimitrescu

Conhecida como “forma-gárgula” ou “forma-dragão”, Alcina se transforma numa pálida e disforme criatura alada, com um corpo semi-humanóide nascendo da nuca – sendo esse justamente o ponto-fraco da criatura, onde suas habilidades regenerativas pecam em agir com a mesma agilidade do que no restante de seu corpo (ou seja, é pra atirar ali durante a batalha).

Inspirações

Segundo os desenvolvedores do game (via: residentevil fandom), há duas grandes inspirações para a concepção de Lady Dimitrescu em Resident Evil 8: a mais óbvia sendo Conde Drácula e suas filhas, do clássico livro de Bram Stoker. Já a segunda e menos conhecida é a da condessa Elisabeth Bathory. Obcecada por beleza, Bathory — que realmente existiu — cometeu diversos crimes hediondos e sádicos com criados e camponeses.

Outras inspirações foram a Morticia Addams (na versão interpretada por Anjelica Huston) e a Hachishakusama, uma mulher de oito metros de altura proveniente do folclore japonês, que usa um chapéu bem parecido com o de Alcina. De acordo com a lenda, as crianças que enxergam a Hachishakusama morrem alguns dias depois.

Donna Beneviento

 

Donna Beneviento e sua boneca, Angie.

Donna Beneviento é uma reclusa fabricante de bonecas que reside nas montanhas do leste-europeu, controlando a região junto das famílias Heisenberg, Dimitrescu e Moreau. Após a morte de seus pais, Donna passou a ser vista sempre num sinistro traje preto que cobre completamente seu rosto e partes do corpo. Sendo a última descendente da casa Beneviento, ela está sempre acompanhada da boneca Angie, através da qual costuma se comunicar.

A história de Donna Beneviento

Desde pequena, Donna era muito reclusa e solitária, procurando se afastar dos demais devido a uma cicatriz em seu rosto. Sua maior companhia e amizade era a bonequinha Angie, construída por seu pai.

Após a morte dos pais, Angie se retraiu ainda mais, vivendo sozinha na mansão da família – próxima a uma cascata nas montanhas do leste-europeu. Eventualmente, a Mãe Miranda contatou Donna e a infectou com o parasita Cadou.

Após isso, Donna passou a sofrer de uma severa doença mental, além de ganhar um abcesso mutante sobre o olho direito — razão pela qual ela prefere sempre ocultar sua face.

Os poderes de Donna Beneviento

A boneca Angie.

Após a infecção, Donna ganhou a habilidade de controlar seus bonecos (pois dividiu partes de seu parasita Cadou com eles), além de conseguir secretar o feromônio de uma planta local, capaz de causar alucinações em quem inalar o seu pólen.

As alucinações causadas por Donna são responsáveis por alguns dos momentos mais aterradores que você irá presenciar em Resident Evil Village.

Salvatore Moreau

Salvatore Moreau

Habitando o reservatório Moreau, Salvatore é um dos quatro lordes do vilarejo, sendo o mais reverente de todos à figura da Mãe Miranda e também o mais inseguro, mas calma que explicamos o motivo de sua inferioridade e reclusão logo abaixo.

A história de Salvatore Moreau

Resident Evil Village nunca explica direito o passado da família Moreau ou até mesmo o de Salvatore. O que se sabe é o seguinte: os Moreau fazem parte da aliança com as demais famílias nobres da região, sendo responsáveis pelo reservatório e sua região circunvizinha.

Moreau integra o culto de adoração à Mãe Miranda, sendo infectado pelo parasita Cadou e tendo uma ligação bem sucedida com ele. O revés, no entanto, veio na aparência: Salvatore é meio-peixe, meio-homem; um ser corcunda e deformado.

Os efeitos dessa transformação deram à Moreau uma “crise de impostor“: ele mesmo se rebaixa e se vê como alguém indigno. Assim com Donna Beneviento, ele se tornou um recluso, habitando as paragens do reservatório e conduzindo experimentos medonhos em sua clínica, muito raramente saindo dali.

Moreau vê a chegada de Ethan no vilarejo como uma grande oportunidade para provar seu valor aos demais lordes, sem falar em sua adoração por Mãe Miranda, que ultrapassa os limites do fanatismo (Salvatore acredita que ela é de fato sua mãe).

Em sua clínica, Moreau usou o Cadou para experimentar em diversos camponeses, incluindo injetar sangue de lobo em um dos experimentos, resultando numa fera que ele teve de prender e alimentar.

Os poderes de Salvatore Moreau

Salvatore possui um crescimento celular descontrolado, projetando paredes de uma enzima viscosa e esverdeada que revestem a área do reservatório. Além disso, ele pode projetar essas paredes quando quiser para atrasar ou prender seus inimigos.

Para dificultar a missão de enfrentá-lo, o jogador terá que sobreviver a outra habilidade de Moreau. O lorde vomita ácido constantemente, fazendo dessa nojeira uma arma bem eficiente.

A forma mutante de Salvatore Moreau

A forma mutante de Salvatore Moreau

Para sair do reservatório, o jogador precisa encarar a forma mutante de Moreau: um peixe-salamandra gigante que abarca a forma semi-humanoide de Salvatore em sua boca.

Karl Heisenberg

Karl Heiseberg

Por fim, o último dos quatro lordes do vilarejo é Karl Heisenberg, um humano mutante herdeiro da fábrica Heisenberg.

Sua fábrica se localiza nos limiares do vilarejo, onde ele trabalha com empenho em experimentos horrendos de engenharia biomecânica.

A história de Karl Heisenberg

Imagine que num vilarejo remoto e montanhoso, crianças estão sumindo, sequestradas para experimentos sinistros sob a égide de uma tal Mãe Miranda, uma bruxa local ao qual todo um culto pagão é dedicado. Karl, junto dos outros quatro lordes, era uma dessas crianças.

Todos eles passaram por experimentos com o parasita Cadou, mas apenas Karl, Moreau, Donna e Alcina se tornaram tenentes da Mãe Miranda.

Heisenberg possui uma rixa com outra nobre do vilarejo, ninguém menos que Alcina Dimitrescu, visto que Alcina é a única que parece desconfiar da lealdade de Karl. Bem, acontece que ela estava certa: Heisenberg não é emocionalmente afeto ou leal à Mãe Miranda, enxergando sua família mais como experimentos do que qualquer outra coisa.

Karl até engendra uma rebelião contra a Mãe Miranda, tentando convencer Ethan e ajudá-lo.

Os Poderes de Karl Heisenberg

Heisenberg é basicamente o Magneto de Resident Evil. Suas mutações geradas pelo Cadou o imbuíram de órgãos elétricos, ou seja, Karl pode manipular campos magnéticos e mover objetos metálicos.

Entre todos os quatro lordes, ele é considerado o mais poderoso, dotado da mutação mais estável.

A forma mutante de Karl Heisenberg

Heisenberg Mutante

Eventualmente, Karl se torna um mutante cibernético, espalhando sua massa biológica por cima de uma carcaça metálica. Para derrotá-lo, Ethan usa uma espécie de tanque feito de metais que Karl não pode manipular.

Mãe Miranda

Mãe Miranda

A verdadeira rainha do vilarejo, Miranda é temida e respeitada pelos camponeses e locais, que rezam e realizam oferendas em seu nome. Acima até mesmo dos quatro lordes (que não ousam disputar seu poder), Miranda é a grande antagonista de Resident Evil Village e o último chefe do game. Mas afinal, quais mistérios residem no nebuloso passado desta vilã?

A história de Mãe Miranda

A doutora Miranda nasceu no século 19. Em junho de 1909 nasceu Eva, sua filha, que acabou falecendo em 1919 durante um surto da gripe espanhola.

Miranda resolveu que queria morrer em um lugar solitário para se juntar com sua filha, mas acabou encontrando um superorganismo fungal que a infectou com memórias de pessoas mortas. O mofo vindo desse fungo foi usado por ela para controlar os habitantes do vilarejo e realizar diversos experimentos na esperança de ressuscitar Eva..

O parasita Cadou, responsável pela criação dos quatro lordes e usado posteriormente em diversos experimentos, foi criado a partir do Mofo, tendo como objetivo encontrar um receptáculo para Eva. A partir destes testes surgiram os licanos que assolam as paragens do vilarejo.

Eventualmente, os quatro que melhor lidaram com a ligação ao Cadou se tornaram seus tenentes, embora fossem inaptos para servirem de corpo para Eva.

A relação de Miranda com a Umbrella Corporation

Em certo ponto do game, descobrimos que Miranda foi mentora de Oswell E. Spencer: o fundador da Umbrella.

Na década de 50, Spencer quase morreu após tentar trilhar uma montanha sozinho e acabar perdido próximo ao vilarejo de Miranda. Ela acolheu Spencer e o instruiu sobre as propriedades do Mofo e da possibilidade de armas biológicas.

Spencer e Miranda tiveram uma discordância sobre o propósito do poder biológico, seguindo cada um com sua vida de maneira amigável. Uma das maiores revelações do game é a de que a logo da Umbrella emula um símbolo encontrado em uma das cavernas onde o fungo crescia. Ou seja, foi daí que Spencer tirou a ideia para a logo de sua empresa.

As Conexões e relações com Resident Evil 7

Eventualmente, Miranda foi abordada pelas Conexões, um grupo criminoso ao qual ela forneceu amostras do Mofo e do DNA de Eva. A partir dessa amostragem, As Conexões criaram Eveline (de Resident Evil 7), que Miranda taxou como um defeito.

Foi esse envolvimento com as Conexões que colocou Miranda no radar de Chris Redfield e da BSAA.

Anos se passam e As Conexões alertam Miranda para a existência de Rosemary Winters, filha do casal que sobreviveu ao incidente Dulvey (de RE7).  Miranda finalmente acredita ter encontrado o receptáculo perfeito de sua filha e planeja o sequestro de Rose.

Poderes de Mãe Miranda

Mãe Miranda é extremamente poderosa, sendo capaz de se transformar em qualquer coisa ou pessoa, mudando de forma à vontade.

Como ela é capaz de assumir diversas formas, a batalha contra Miranda revela diversas habilidades sinistras da “bruxa”, como conjurar bolas de fogo e muralhas feitas de Mofo, por exemplo.

Sua força sobre-humana é abaladora e sua resistência é de um vigor intenso. Heisenberg criou todo um exército de homens-máquina temendo que não conseguiria lidar com a Mãe Miranda em sua rebelião, o que só ilustra o nível de poder absurdo da vilã.

A forma Mutante de Mãe Miranda

Uma das formas que Mãe Miranda assume na reta final de Resident Evil: Village

Miranda é capaz de assumir três formas em sua batalha final, cada uma contando com movimentos e golpes particulares. Uma delas é alada, enquanto as terrestres alternam entre uma Mãe Miranda com feições aracnídeas e outra com um visualmais sóbrio e similar com o de suas outras aparições no game.

Pronto! Agora você conhece melhor a galeria de vilões presente em Resident Evil: Village. Qual deles é o seu favorito? Já jogou RE8? Fala pra gente nos comentários!

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Lucas Rafael

Redator. Entusiasta de coisas demais