Pânico: O que é confirmado e o que é rumor no novo filme da franquia

Capa da Publicação

Pânico: O que é confirmado e o que é rumor no novo filme da franquia

Por Arthur Eloi

Depois de anos de espera, os fãs de Pânico finalmente vão ganhar um novo filme! A franquia de slashers trará de volta o maníaco Ghostface para perseguir Sidney Prescott (Neve  Campbell) e seus amigos, com muitas referências ao gênero de horror e reviravoltas inesperadas.

O primeiro trailer da produção aqueceu para a volta do antagonista mascarado e do elenco original, mas pegou leve nos detalhes da trama, o que abriu espaço para especulações de todo tipo. Para passar tudo a limpo, reunimos abaixo o que é fato e o que é ficção no novo filme de Pânico!

Os fatos

Esse é o primeiro filme de Pânico a ser lançado desde Pânico 4 (2011). Nesse tempo, houve uma série de TV derivada, chamada apenas de Scream, mas a trama do novo longa não terá conexão alguma ao seriado. Na verdade, o quinto filme – ainda que não seja chamado de Pânico 5 – será uma continuação direta dos quatro anteriores.

A trama se passará cerca de 25 anos após os eventos do original, mas levará em conta todos os eventos dos filmes seguintes, acompanhando Sidney Prescott como uma espécie de mentora para uma nova geração de jovens da cidade de Woodsboro, que se vê ameaçada pelo assassino mascarado. Aliás, a máscara do Ghostface está de volta! Enquanto isso nunca mudou nos filmes, a série de TV apresentou uma outra versão do visual, que foi bastante criticada.

Além de Neve Campbell assumindo o papel da sobrevivente pela quinta vez, outros rostos clássicos incluem a repórter Gale Weathers (Courteney Cox, de Friends) e seu marido, o xerife Dewey Ricks (David Arquette). Fora do trio principal, haverá também a volta da policial Judy Hicks (Marley Shelton) e, claro, de Roger Jackson como a voz do assassino no idioma original.

Sobreviventes da franquia, Sidney Prescott (Neve Campbell) e Gale Weathers (Courtney Cox) estão de volta no novo Pânico

O elenco novato conta com nomes como Jack Quaid (The Boys), Melissa Barrera (Em Um Bairro de Nova York), Dylan Minnette (13 Reasons Why), Kyle Gallner (Outsiders), Jenna Ortega (A Babá: Rainha da Morte), Sonia Ammar (Jappeloup), Jasmin Savoy Brown (The Leftovers), Mikey Madison (Era Uma Vez em Hollywood),  e Mason Gooding (Fora de Série) – o filho de Cuba Gooding Jr..

Esse será o primeiro Pânico sem a direção de Wes Craven, já que o cineasta faleceu em agosto de 2015, vítima de câncer cerebral aos 76 anos, e apenas algumas semanas após o seu aniversário. O roteirista Kevin Williamson, que escreveu todos os filmes da franquia, também não retornou para o script, mas está envolvido como produtor executivo do longa inédito.

No centro, o roteirista Kevin Williamson discute com os diretores Matt Bettinelli-Olpin (esq.) e Tyler Gillett (dir.)

Ao invés disso, o quinto Pânico será comandado pelos diretores Matt Bettinelli-Olpin e Tyler Gillett. A dupla se consagrou com Casamento Sangrento (2019), filme de terror com o mesmo teor sarcástico e sangrento que a franquia de Wes Craven. Já o roteiro é de Guy Busick, que escreveu Casamento Sangrento, com James Vanderbilt, conhecido por Zodíaco (2007) e os dois filmes de O Espetacular Homem-Aranha.

Os rumores

Bom, praticamente tudo que não está escrito acima pode ser considerado rumor ou especulação. Por enquanto, os nomes dos personagens novatos já foram divulgado, e é possível entender algumas relações a partir disso. Melissa Barrera e Jenna Ortega vão interpretar as irmãs Sam e Tara Carpenter, e Dylan Minnette será Wes Hicks, filho de Judy Hicks, mas nada muito além de informações triviais assim.

O primeiro trailer apresentou tom um pouco mais sombrio, e mostrou os personagens originais em alguns momentos assustadores. Uma cena em específico, que mostra Gale Weathers chorando e desesperada, levantou a teoria de que Dewey será assassinado no longa. Já um trecho da legenda do trailer oficial, que diz “Os ataques estão ligados aos assassinos do 1º filme”, reforçou a teoria oposta, de que Dewey será o assassino. É impossível negar qualquer uma dessas coisas, mas obviamente nada foi confirmado, e é pura especulação de fãs.

Fora das telas, ganhou força a teoria do retorno de Stu, um dos assassinos do primeiro filme, vivido por Matthew Lillard (Scooby-Doo). Em uma entrevista ao lado de Skeet Ulrich – que viveu Billy, o outro assassino original -, o ator brincou que acredita que seu personagem não está morto, dizendo à Variety:

Eu não estou morto! Pode esquecer disso, eu não morri! Estou na cadeia, mas estou prestes a sair e me vingar.

Pelo bom humor do ator, o comentário – que também foi feito em outras entrevistas – parece mais uma piada do que uma confirmação. Mas o fato das teorias de Pânico darem certo assim é a comprovação da natureza imprevisível desses filmes, que sempre conseguiram iludir e surpreender o público com suas reviravoltas.

O próprio Matthew Lillard anda bricando que Stu, seu personagem em Pânico (1996), ainda está vivo – mas nada é confirmado

Em entrevista ao Bloody Disgusting, os diretores garantiram que o marketing do filme não vai entregar nenhuma surpresa, portanto os trailers são construídos de forma que dão uma noção completamente falsa da obra final. Como Matt Bettinelli-Olpin afirmou:

Foi um trailer complicado de montar, mas algo que nos deixa feliz é que se você acha que encontrou um spoiler ali, há grandes chances de você estar errado. Há muitas ilusões dentro do filme, e também dentro do trailer. Para nós, a parte divertida é criar um mistério de assassinato. Spoilers são ruins, mas há graça nos fãs tentarem adivinhar quem é o assassino.

Por fim, o produtor Chad Villella também afirmou que a campanha de marketing é feita para iludir, e que a ideia é que os fãs passem tempo analisando imagens e trailers mesmo:

O primeiro trailer é só a ponta de um enorme iceberg. Um iceberg de mentiras. A campanha só está começando, e estamos animados com todos os materiais que serão lançados ao longo dos próximos três meses. Esse é só um gostinho, que mostra o coração do filme sem te contar nada do que vai acontecer.

 

É exatamente o que queríamos: que as pessoas fiquem investidas, mas sem arruinar o filme. Queremos que os fãs aproveitem cada minuto e só descubram o assassino quando estiverem na sala de cinema.

Só vamos descobrir quem está por trás da máscara nos cinemas, segundo os diretores de Pânico

A estreia de Pânico acontece nos cinemas em janeiro de 2022. Aproveite e confira abaixo nosso ranking da franquia, do melhor ao pior filme:

Imagem de perfil
sobre o autor Arthur Eloi

Repórter entusiasta de filmes ruins, jogos de tiro e de horror em todas as suas formas. Dá notas duvidosas para obras questionáveis • @ArthurEloi117