Capa da Publicação

Nintendo desmente rumor envolvendo custo de produção do novo Switch

Por Arthur Eloi

O novo modelo do Nintendo Switch, que terá uma tela de OLED levemente maior, custará US $50 (cerca de R$ 260) a mais que a versão anterior nos Estados Unidos. Um relato da Bloomberg acabou inflamando o público ao afirmar que, apesar do aumento, a Nintendo só pagaria cerca de US $10 para produzir o novo modelo, e que os demais US $40 seriam apenas lucro para a empresa.

Após muito bate-boca dos fãs, a Nintendo enfim usou seu Twitter para esclarecer que se trata de um erro da Bloomberg. Na postagem, a empresa afirmou que é incorreta a informação de que a margem de lucro aumentará entre os modelos, mas não deu nenhum detalhe adicional ou correção.

Apesar de mais caro, Nintendo garante que o Switch OLED não dá mais lucro que a versão comum

É possível especular o aumento de preço entre os modelos na diferença mais óbvia entre eles, que é o material das telas, mas não há informações públicas sobre o quanto cada uma das versões do Nintendo Switch custa para ser produzida.

O modelo OLED do Nintendo Switch chega às lojas norte-americanas em outubro, e só virá ao Brasil em 2022, sem preço divulgado até então. Lá fora, a nova versão do console custará US $350 (cerca de R$ 1.820).

Procurando o que jogar no Nintendo Switch? Confira nossa lista de 10 jogos independentes incríveis para curtir no console:

 

Imagem de perfil
sobre o autor Arthur Eloi

Repórter entusiasta de filmes ruins, jogos de tiro e de horror em todas as suas formas. Dá notas duvidosas para obras questionáveis • @ArthurEloi117