Mulher-Maravilha: Gal Gadot quase abandonou a sequência devido salário

Capa da Publicação

Mulher-Maravilha: Gal Gadot quase abandonou a sequência devido salário

Por Leo Gravena

Mulher-Maravilha 1984 foi lançado em meio à pandemia e enfrentou diversos problemas, como o lançamento simultâneo no HBO Max, algo que a diretora Patty Jenkins, nem a protagonista Gal Gadot, queriam. Após um grande acordo, o filme foi lançado e agora, em uma nova entrevista, Gadot revelou que estava pronta para não gravar o filme caso seu salário não tivesse aumentado.

Em uma nova entrevista com a revista Elle, a interprete de Diana Prince, Gal Gadot, revelou que estava preparada para abandonar a sequência caso não tivesse sua demanda salarial concedida. “Se você olhar para isso como um jogo de cartas, minha mão ficou melhor. Eu estava pronta para desistir se não fosse paga justamente”. 

Na matéria é lembrado que Gadot recebeu $300,000 (trezentos mil dólares) para estrelar Mulher-Maravilha de 2017, um valor bem pequeno comparado a dos protagonistas de outros grandes filmes de heróis e ao de seu próprio colega de elenco; para o longa da heroína Chris Pine, que interpreta Steve Trevor, recebeu bem mais que a atriz, porém o valor exato nunca foi revelado.

Segundo a revista, junto dos lucros de cinema e do acordo feito com a Warner para o lançamento do filme no HBO Max, a atriz ganhou 30 vezes a mais o valor por Mulher-Maravilha 1984, o que soma certa de $9 milhões.  Ao ser perguntada se ela teve medo de pedir pelo aumento, ela deixou claro: “Não, porque quando estou sendo justa, também estou certa”.

Gal Gadot e Chris Pine como Diana Prince e Steve Trevor em Mulher-Maravilha 1984.

Um terceiro filme da Mulher-Maravilha já está em desenvolvimento e, devido ao grande nome que Gal Gadot se tornou nos últimos anos, ela certamente deve retornar como a Princesa Amazona.

Aproveite e confira também:

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor | @LeoGravena
Escrevo sobre cultura geek na internet desde 2012
"Don't look back -- the past is exactly where it belongs."