Capa da Publicação

Marvel revela novo herói com ligação ao passado dos X-Men

Por Gus Fiaux

No mês de junho, tanto a Marvel quanto a DC Comics farão revistas especiais para celebrar os personagens LGBTQ+ de seus respectivos universos. Na Casa das Ideias, teremos Marvel’s Voices: Pride, uma HQ escrita e ilustrada por artistas LGBTQ+, contando a história de vários heróis e celebrando o Mês do Orgulho. Porém, a editora também vai apresentar um novo herói mutante que terá fortes ligações com os X-Men.

Em uma recente nota divulgada à imprensa, a Marvel acaba de revelar Somnus, um mutante LGBTQ+ que, por sua vez, será apresentado oficialmente nos quadrinhos em Marvel’s Voices: Pride, em uma história escrita por Steve Orlando e ilustrada por Claudia Aguirre. O design e o visual do personagem foi criado por Luciano Vecchio, que irá ilustrar a capa e algumas páginas internas da revista.

Somnus, o novo herói LGBTQ+ da Marvel.

A identidade secreta de Somnus é Carl Valentino. Em sua descrição oficial, é dito que ele é “um mutante que teve um impacto extraordinário nos X-Men há um bom tempo”. Contudo, ele simplesmente não é citado na história dos mutantes, e isso deve ser melhor explicado conforme ele retorna e tem a escolha de viver livremente na nação de Krakoa. Pelo visto, parece que o personagem será um retcon da editora, sendo inserido à continuidade principal da mesma forma que Jessica Jones foi, por exemplo.

O herói tem o poder de controlar os sonhos de outras pessoas, e Vecchio afirma que a maior inspiração para criar o personagem foi justamente o deus romano Somnus (cuja contraparte grega se chama Hypnos). Na nota oficial, Steve Orlando também comentou sobre o personagem:

“Somnus, Carl Valentino, é inspirado não apenas pela minha própria história, mas também pela minha experiência com gerações passadas de pessoas LGBTQ+ ao redor do país, pessoas que eu não conheceria se não fosse através dos quadrinhos. E embora ainda exista muito trabalho a ser feito, nós chegamos longe como comunidade. Somnus é a chance de explorar como meus parentes queer mais velhos podem ter se sentido, vivendo em tempos de maior preconceito. Ele também é uma chance de celebrar gerações passadas como um todo e reconhecer as lutas que tivemos. E com Krakoa sendo uma utopia para os mutantes, Somnus trará uma nova perspectiva e um teste respeitoso para os jovens mutantes presentes que não sabem como foram difíceis as lutas que todos os mutantes mais velhos conquistaram. Dentro e fora da história, Somnus será um personagem novo, complexo e carregando uma mensagem de respeito, poder e visão.”

Visual de Somnus, por Luciano Vecchio.

Ainda não sabemos se o personagem será apresentado para participar de outras equipes mutantes no futuro, mas seria muito interessante vê-lo como parte das histórias da Marvel, e não apenas como um personagem que será esquecido dentro de alguns meses. Com sorte, ele vai conquistar o público e poderá ganhar suas próprias histórias, talvez lutando ao lado de outros heróis LGBT importantes da editora, como WiccanoHulklingAmerica Chavez e até mesmo Prodígio Daken.

Marvel’s Voices é uma iniciativa da Casa das Ideias de produzir quadrinhos dando voz a autores e artistas que fazem parte de minorias étnicas, sociais e raciais. A edição de junho será focada no Pride, mas já tivemos edições sobre personagens indígenas e nativos-americanos, bem como sobre heróis que assumiram o manto e o legado de outros personagens.

Marvel’s Voices: Pride será lançada nos Estados Unidos no dia 23 de junho, sem previsão de publicação no Brasil.

Abaixo, relembre 10 momentos LGBTQ+ que fizeram história nos quadrinhos:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux