Capa da Publicação

Loki: Quem são os Guardiões do Tempo mostrados na série

Por Camila Sousa

Atenção: Alerta de Spoilers!

O primeiro episódio de Loki está disponível no Disney+ e, além de mostrar o que aconteceu ao Deus da Trapaça após fugir com o Tesseract, o capítulo de estreia apresentou alguns novos conceitos que podem ser importantes no futuro do MCU, como os Guardiões do Tempo.

A série estabelece que há três Guardiões, responsáveis por dar a palavra final em relação ao que acontece no Universo Cinematográfico da Marvel, mantendo a “Linha do Tempo Sagrada” intacta. Dessa forma, tudo o que destoa do que realmente deveria acontecer é tirado de circulação e punido pela TVA (Autoridade de Variação Temporal), local para onde Loki é levado após se tornar uma dessas variações ao pegar o Tesseract em Vingadores: Ultimato.

Segundo a série, tais autoridades surgiram após uma guerra no multiverso, em que linhas temporais começaram a se enfrentar para ter a supremacia – algo que poderia destruir toda a realidade. A chegada dos Guardiões do Tempo fez o multiverso ser reorganizado em uma única linha temporal – a sagrada – evitando novos conflitos. 

E nas HQs?

Nos quadrinhos, os Guardiões do Tempo foram criados por He Who Remais (Aquele Que Restou), o último diretor da TVA, que estava presente pouco antes da morte de todo o universo. Em sua primeira tentativa, ele criou os Time-Twisters (Modificadores do Tempo), que falharam e destruíram inúmeras realidades. Mas Thor interviu e dividiu essa nova realidade em duas: uma com os Time-Twisters e outra em que eles haviam sido destruídos. Posteriormente, essa segunda realidade recebeu os Guardiões do Tempo, que saíram certos dessa vez e começaram esse trabalho de proteção.

Nas publicações, os Guardiões do Tempo já tiveram embates com os Vingadores e a Feiticeira Escarlate e os Time-Twisters já agiram no lugar deles, mas há uma trama interessante que pode ser importante para os próximos lançamentos do estúdio nas telas: a chegada de Immortus.

Importância para o futuro da Marvel

Em certo momento nos quadrinhos, os Guardiões do Tempo convocam Immortus para ser um tipo de aluno e prisioneiro e ajudar a desfazer algumas bagunças na linha do tempo. Porém, esse personagem também é conhecido como Kang, o Conquistador, já confirmado como o vilão de Homem-Formiga e a Vespa: Quantumania, que tem lançamento previsto para 2023.

Como dito acima, os Guardiões também já tiveram problemas com a Feiticeira Escarlate, já confirmada em Doutor Estranho no Multiverso da Loucura, filme com o qual Loki deve ter uma ligação. Logo, é muito provável que a apresentação fofa dos Guardiões do Tempo na estreia de Loki tenha uma importância muito maior para o multiverso que a Marvel está criando nos cinemas, já criando sementinhas para personagens que serão mostrados em sua totalidade no futuro.

E você, acha que Loki trará ainda mais segredos do futuro do estúdio? Deixe nos comentários e, caso ainda não tenha, acesse este link para fazer sua assinatura no Disney+.

Imagem de perfil
sobre o autor Camila Sousa

Jornalista por formação e nerd por natureza. Fã de diversos mundos fantásticos por aí e criadora do podcast Podcakes | @cakes_sousa no Twitter e Instagram