Capa da Publicação

Liga da Justiça: Zack Snyder fala a razão pela qual o filme é tão violento e sangrento

Por Evandro Lira

Quem assistiu a nova versão de Liga da Justiça notou que o filme possui uma quantidade impressionante de sangue e violência. De acordo com Zack Snyder, esse aspecto adulto é resultado da liberdade criativa que ele teve no projeto.

Em uma entrevista à Variety, Snyder disse que adicionar decapitações e cabeças esmagadas ao filme é um “puro exercício de liberdade criativa”. O cineasta conta que isso o levou a examinar como personagens semelhantes a deuses lutariam e agiriam no calor de uma batalha.

“Fizemos da mesma forma que faríamos se não houvesse um quadro de classificação indicativa. Não usamos metáforas. Fizemos da maneira que achamos mais legal. Essa foi a abordagem filosófica”, disse Snyder. “Eu sempre acho que a consequência é importante, que há riscos reais. Ainda é um pouco abstrato, claro. São deuses guerreiros. O que também é parte da questão. Nós não podemos realmente lutar contra eles. Humanos não podem lutar contra eles.”

‘Liga da Justiça de Zack Snyder’ é um dos filmes mais na internet nos últimos meses

Snyder concluiu dizendo que não tinha a intenção de amenizar qualquer imagem de violência do filme pois ele estava comprometido em mostrar a realidade da situação:

“Se você não trata a violência real como violência, para mim, você está reduzindo a gravidade em todos os níveis. Se o super-herói bate o carro, e todo o carro explode, e você vê o cara meio que rastejando para fora dos destroços, e você fica tipo, tudo bem, ainda é um filme para jovens, o fato de você não mostrar o sangue é um detalhe. A violência ainda está lá. Eu quero uma representação verdadeira da violência. Eu não quero amenizar isso.”

O Snyder Cut está disponível para aluguel em diversas plataformas digitais, incluindo Google Play, Looke, Apple TV, Claro, Microsoft, Playstation, Sky, Uol Play, Vivo e WatchBr.

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Editor, bacharel em Cinema e Audiovisual, bruxo nascido trouxa, filho dos filhos do átomo, mestre dos quatro elementos, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira