Espada de Ébano: Saiba tudo sobre a arma do Cavaleiro Negro da Marvel

Capa da Publicação

Espada de Ébano: Saiba tudo sobre a arma do Cavaleiro Negro da Marvel

Por Gus Fiaux

Atenção: Alerta de Spoilers!

Em Eternos, temos a apresentação de uma nova raça de seres sobre-humanos no Universo Cinematográfico da Marvel – mas há muito mais no filme além disso, já que também temos a introdução de Dane Whitman e várias pistas para o que pode acontecer com esse personagem em um futuro não muito distante. Como muitos de vocês sabem, Dane é o Cavaleiro Negro dos quadrinhos e seu papel no filme é relativamente pequeno.

Contudo, a segunda cena pós-créditos apresenta um elemento importantíssimo da mitologia do personagem – além de termos uma breve menção a isso ao longo do filme. Trata-se da Espada de Ébano, uma arma mágica que Dane usa nas HQs e que é a responsável por transformá-lo em seu alter ego “heroico”. Se você ainda não faz ideia de quais são os poderes desse artefato, não tema: aqui explicamos tudo sobre a Espada de Ébano!

O que é a Espada de Ébano?

Nos quadrinhos da Marvel Comics, a Espada de Ébano é uma arma mística que foi forjada há séculos pelo Mago Merlin, usando fragmentos de um meteorito que caiu na Terra durante a Idade Média. O objeto é encantado com diversos feitiços e proteções e deve responder ao “herdeiro” do manto do Cavaleiro Negro. Originalmente, a arma havia sido forjada para Sir Percival da Escândia, o primeiro Cavaleiro Negro do Universo Marvel.

A espada é passada de geração em geração pela família de Sir Percival, mas não é qualquer um que pode utilizá-la livremente. Nathan Garrett, por exemplo (o tio de Dane e vilão dos Vingadores) não foi considerado digno de empunhar a lâmina e, portanto, nunca usou a Espada de Ébano, mesmo adotando a persona do Cavaleiro Negro. Eventualmente, a espada foi passada para seu sobrinho, Dane Whitman.

Nos quadrinhos, a espada carrega uma poderosa maldição que foi lançada por Merlin: se alguém usá-la para fins sanguinários e impuros, a espada absorverá a “energia negativa” de seus atos e vai corromper seu usuário. Dessa forma, toda vez que ela é usada para derramar sangue, automaticamente deixa os Cavaleiros Negros insanos e ainda mais violentos, algo que ficou conhecido como a Maldição de Sangue da Espada de Ébano.

Quais são os poderes da Espada de Ébano?

Espada de Ébano é uma lâmina muito mais forte que outras espadas comuns, devido ao seu material composto de partículas extraterrestres. Ela pode partir outros metais – exceto ligas fortes, como adamantium vibranium, ou outros metais encantados. Vale mencionar que Merlin a criou para ser a “contraparte sombria da Excalibur” – e, de acordo com Knull, ela só responde aos impuros de coração.

Ela é capaz de defletir e/ou absorver ataques mágicos, além de criar uma espécie de “barreira de proteção” ao redor de seu usuário, de forma que ele não pode ser ferido por nenhuma outra arma, além de poder ressuscitá-lo caso ele esteja segurando a espada na hora de sua morte. O usuário também pode se teletransportar para onde a espada está com um simples ritual mágico. Em outras realidades, ela já foi mostrada realizando disparos de energia arcana.

Curiosamente, há uma “brecha” nas proteções fornecidas pela Espada de Ébano. Com o meteorito, o Mago Merlin e Sir Percival foram capazes de criar diversos outros artefatos, como o Cálice de Ébano e o Escudo de Ébano. E entre esses artefatos, há também a Adaga de Ébano – a única arma que pode ser usada para matar definitivamente um usuário da Espada de Ébano.

Quem já usou a Espada de Ébano nas HQs?

Nos quadrinhos da Marvel, o usuário mais conhecido da Espada de Ébano é Dane Whitman, que herdou a arma de seu tio junto com todos os espólios que ele possuía. Diferente de Nathan, Dane se provou “digno” de usar a lâmina e se tornou o Cavaleiro Negro – inclusive, ele acabou sofrendo os efeitos da Maldição de Sangue após usá-la em derramamento de sangue.

Porém, ele não foi o único herói a utilizá-la. Ao longo dos anos, a Valquíria chegou a empunhar a Espada – e vale citar que ela e o Cavaleiro Negro já compartilharam outros “itens”, como o Pégaso de Dane, chamado Aragorn. O Príncipe Submarino, Namor, também utilizou a lâmina e chegou a matar uma inimiga com ela (chamada Marrina Smallwood), desencadeando novamente a Maldição de Sangue que havia sido “resolvida” por Dane.

Ares, o deus grego da Guerra também já utilizou a Espada de Ébano, assim como a vilã arturiana Morgana le Fay – que matou a atlante Andromeda. Além deles, o Pantera Negra também já esteve em posse da Espada, assim como a Eterna Sersi. E, é claro, não podemos nos esquecer dos vários descendentes de Sir Percival da Escândia (além dele próprio), que herdaram a espada e se tornaram os Cavaleiros Negros de sua época.

A Espada de Ébano no Universo Cinematográfico da Marvel

Em Eternos, temos uma breve menção à Espada de Ébano em um momento bem particular no meio do filme, quando os Eternos chegam na Domo (a nave dessa raça). Lá, Makkari reuniu vários tesouros da humanidade e, numa determinada cena, Thena aparece usando uma espada para treinar. Duende se questiona se é a Espada de Ébano, mas Thena nega e diz que é a Excalibur, comentando um pouco de sua relação com o Rei Artur.

Isso sugere que Duende sabe mais sobre as origens e sobre o legado de Dane Whitman – o que faz sentido, se nós levarmos em conta que ela convive diariamente com o rapaz por ele ser o namorado de Sersi. Além disso, é válido lembrar que os Eternos estiveram presentes em momentos chave da humanidade e inclusive interagiram com várias figuras históricas, o que deixa nítido como eles já devem ter conhecimento das lendas arturianas.

Porém, na segunda cena pós-créditos, temos a aparição da Espada de Ébano, quando Dane revira um baú. Ao se aproximar dela, a lâmina começa a vibrar como se estivesse “viva”, mas ele é interrompido antes de ouvirmos uma voz o chamando – que, recentemente, foi confirmada pela diretora Chloé Zhao como sendo de Blade. Assim, nós temos uma preparação de terreno para que o Cavaleiro Negro surja no MCU em algum projeto futuro e sigiloso.

Eternos está em cartaz nos cinemas!

Abaixo, veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux