Capa da Publicação

Deathloop: Um jogo sem a opção de salvar?

Por Leo Gravena

Deathloop é o próximo jogo da Arkane Studios – de Dishonored e Prey – publicado pela Bethesda e exclusivo por tempo limitado para o PlayStation 5 que será lançado em 14 de setembro. No título você controla Colt, um assassino preso em um loop temporal que precisa escapar de uma ilha eliminando oito poderosos inimigos que controlam o local, além de enfrentar uma imbatível assassina chamada Julianna, que pode ser controlada por outro jogador.

O jogo funciona em ciclos, cada loop é como se fosse uma fase diferente na qual você adquire informações sobre os personagens, NPCs, poderes e mais. Porém, existe algo que deixou alguns jogadores assustados: o fato de que o jogo não possui um botão de salvar, nem salvamento rápido para que, caso você morra, possa voltar e tentar vencer novamente.

Mas então como você consegue salvar as armas e poderes adquiridos durante o jogo? A resposta mais simples é: você não pode. Porém, isso pode ser contornado com alguns recursos adquiridos no jogo, que serão explicados aqui.

Morrer faz parte do jogo

Em Deathloop você explora a ilha de Blackreef, local que foi tomado pelos Visionários – oito jovens adultos que decidiram criar um loop temporal na ilha. Como Colt, você se lembra do loop e deve eliminar os vilões para poder se libertar. Porém, quando o dia chega a meia-noite ou quando você morre, tudo volta do zero e você precisa repetir sua missão até encontrar a melhor forma de prosseguir.

Morrer e voltar para o inicio pode até parecer algo repetitivo, principalmente por o jogo não ser um roguelike, porém esse elemento está intrínseco na jogabilidade, de forma que você torna a ilha e o mapa em seu próprio parque de diversões, podendo explorar e fazer o que quiser enquanto analisa os padrões dos Visionários e tenta escapar de Julianna.

O jogo funciona através dos ciclos, cada loop começa no inicio do dia e é fechado quando Colt morre ou quando o relógio bate meia-noite. As informações que você coleta sobre os Visionários – horários, rotas e personalidade – são mantidas, porém as armas e habilidades adquiridas são apagadas.

Mas porque o jogo faz isso? Deathloop quer que você veja os desastres e as consequências dos planos ruins que você faz. No jogo, cada ação importa, mas ao mesmo tempo, não possui nenhuma importância. Suas ações importam porque, como não se pode salvar, você  precisa ter cuidado com suas ações, planos e táticas enquanto joga. Mas nada disso tem importância porque se tudo der errado e você perder, é só voltar e tentar fazer diferente.

Nenhuma decisão é errada e, caso alguma oportunidade de jogo não esteja dando certo, você pode apenas ir explorar uma outra área da ilha, fazer uma missão diferente e depois voltar para aquela que estava te dando dor de cabeça. Ficar preso em um loop temporal funciona ao seu favor aqui.

Colt deve explorar a ilha de Blackreef enquanto tenta quebrar o loop temporal.

Reprise e residuum

Em Deathloop ao eliminar os Visionários você consegue dois recursos diferentes, o primeiro é um poder ou arma específico e diferente que cada um deles possui (teletransporte, telecinése e outros), o segundo é um recurso chamado residuum. Com o residuum você pode gastar uma quantidade desse material para manter armas e poderes adquiridos no loop. Eles são levados com você para o próximo ciclo e continuam em seu inventário para serem utilizados quando quiser. Após alguns ciclos, você consegue criar um arsenal bem interessante, cheio de armas, poderes e berloques que vão te ajudar cada vez mais.

Além disso, Colt possui um poder especial e exclusivo do personagem, chamado Reprise, e ele permite que você volte rapidamente no tempo para pouco antes de morrer. A habilidade só pode ser usada duas vezes no local e horário em que você está jogando – ou seja, uma terceira morte reinicia o dia e ao mudar de mapa, ela é recarregada – e leva apenas Colt de volta no tempo, qualquer pessoa que você tenha matado nesses segundos antes de sua morte, continua morta. Uma boa dica é que após usar o poder Reprise, você pode voltar para o local onde morreu e coletar um pouco de residuum.

Colt absorve o residuum que ele deixou após usar o poder Reprise.

Dessa forma, existem duas maneiras bem diferentes de continuar vivo e burlar as regras do loop temporal; parte do jogo é aprender a gastar seus recursos e habilidades sabiamente, já que a menos que você gaste o residuum eles são resetados a cada loop.

Deathloop é o novo jogo de tiro em primeira pessoa de ação e aventura da Bethesda. Nele você controla o assassino Colt enquanto explora a ilha de Blackreef, elimina inimigos poderosos, foge de uma assassina rival e tenta quebrar um loop temporal que te mantém preso. Exclusivo do PlayStation 5, o jogo já está disponível na PlayStation Store e você pode adquirir ele clicando aqui.

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor | @LeoGravena
Escrevo sobre cultura geek na internet desde 2012
"Don't look back -- the past is exactly where it belongs."