Capa da Publicação

Batman: Roteirista do herói explica porque ele não é mais bilionário nas HQs

Por Gus Fiaux

Nos últimos anos, a DC Comics está fazendo de tudo para revitalizar o Batman nas HQs, transformando-o em um personagem menos inalcançável e mais relacionável com o público. Um bom exemplo disso veio com a saga Joker War, na qual o herói perdeu boa parte de sua riqueza e deixou de ser um grande bilionário. E agora, o roteirista da revista atual do herói comentou essa mudança.

James Tynion IV está tomando conta das HQs do herói nos últimos anos. Em um novo texto de seu blog, Tynion explicou um pouco sobre todas as mudanças que vieram com Joker War. Para ele, a ideia de um Batman bilionário é contraproducente para as histórias e isso precisava ser retrabalhado em novas tramas, onde o herói voltasse mais às suas origens:

“Quanto mais rico ele fica, quanto mais ferramentas ele consegue, e quanto mais ele aprende sobre cada um de seus inimigos, mais temos a sensação de que o Batman deveria derrotar literalmente qualquer ameaça que vem em sua direção em questão de segundos. Então, minha teoria era: ‘Vamos tornar as coisas mais difíceis para o Batman.’ Primeiro, vamos transformá-lo de volta em um tipo de ricaço menos problemático. Bruce Wayne, o milionária, e não o bilionário. Ele não é tão rico, porque senão poderia comprar Gotham e consertá-la do dia para a noite. Há várias pessoas mais ricas na cidade que estão tentando manter o poder e influência, e o Batman precisa enfrentá-los. Ele não tem mais a habilidade de apenas vender e comprar o que quer e sair andando.”

A saga Joker War está trazendo várias mudanças para o Batman

Dando continuidade à declaração, Tynion relembrou o real propósito do Cavaleiro das Trevas e como sua luta se tornou mais árdua e mais impactante desde que ele abandonou o status de bilionário. Para ele, esse é um passo fundamental para tirar o Batman de um gigantesco pedestal onde foi colocado por inúmeros roteiristas e quadrinistas nos últimos anos.

“O Batman se lembra cada dia de que costumava ser mais fácil do que está sendo, e ele precisa se esforçar a um novo limite, porque ele não vai desistir de Gotham ou de sua missão. Se o Batman é a força mais poderosa de Gotham – o homem mais rico com mais recursos cujo melhor amigo comanda o departamento de polícia – então todas essas histórias que você conta sobre o Batman se tornam desconstrutivas, ou se tornam histórias sobre o Batman desconstruindo a si mesmo e a sua missão. Temos muitas histórias ótimas com isso, mas o Batman existe porque em uma Gotham City sem o Batman, mais crianças seriam órfãs e ninguém faria nada para impedir isso.”

Atualmente, Tynion está preparando grandes consequências para o futuro do Cavaleiro das Trevas. Ainda assim, é importante mencionar que, nos meses de janeiro e fevereiro de 2021, a DC Comics dará uma breve pausa em seus arcos e tramas atuais para nos apresentar o Future State, um vislumbre do futuro da editora.

Abaixo, veja todos os filmes do Batman, do pior ao melhor:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux