Mulher-Maravilha 1984: Nota do filme no Rotten Tomatoes e primeiras críticas são divulgadas

Capa da Publicação

Mulher-Maravilha 1984: Nota do filme no Rotten Tomatoes e primeiras críticas são divulgadas

Por Raphael Martins

Depois de muitos adiamentos e inúmeras mudanças nos planos de lançamento da Warner Bros., Mulher-Maravilha 1984 finalmente caminha em direção aos cinemas e ao HBO Max, estreando já na semana que vem. Assim, a nota do filme no site Rotten Tomatoes foi divulgada e ela é bem positiva.

Até o momento, Mulher-Maravilha 1984 está com uma porcentagem de 87% no site agregador de críticas, o que é uma média bastante positiva para qualquer produção cinematográfica. Como o filme ainda não estreou em circuito mundial, a média dos fãs ainda não foi divulgada, o que é apenas uma questão de tempo até que aconteça.

O consenso dos críticos diz:

“Grande Hera! Mulher-Maravilha 1984 é uma dose épica de emoções e escapismo vibrante, que prova que ainda existem emoções inesperadas a serem encontradas nos filmes de super-heróis” 

Mulher-Maravilha 1984 chegou com 88% de aprovação

Nicholas Barber, da BBC, elogiou o charme retrô do filme:

“À sua maneira antiquada e um pouco cínica, Mulher-Maravilha 1984 é um dos blockbusters mais divertidos já lançados desde 1984”

Seanan McGuire, do Polygon, não gostou muito do que viu:

“Uma história da Mulher-Maravilha em 2020 poderia ser edificante e inspiradora, mas não é nenhum dos dois.”

Peter Bradshaw, do jornal The Guardian,  elogiou a performance de Gal Gadot como a heroína:

“Este é um filme epicamente longo e ousado da diretora e co-roteirista Patty Jenkins, mas Gadot tem um autodomínio majestoso e impõe sua autoridade sobre isso.”

Scott Mendelson, da revista Forbes, escreveu:

“O filme nem sempre funciona, mas a sequência de super-heróis de Patty Jenkins e Gal Gadot tenta contra-atacar os últimos 20 anos de blockbusters feitos com uma mente masculina.”

Ben Travis, da revista Empire, disse:

“Uma aventura vibrante e virtuosa cheia de coração e heroísmo digna do que esperávamos da luz brilhante da DC. Mulher-Maravilha 1984 realmente é o filme de heróis que 2020 precisava o tempo todo.”

Matt Goldberg, do Collider, foi outro crítico que não se impressionou com o filme:

“A sequência de Patty Jenkins é um bem intencionado, mas um soco bagunçado  contra o Trumpismo.”

Mulher-Maravilha 1984 estreia no Brasil em 17 de dezembro, chegando aos cinemas dos Estados Unidos e no HBO Max no dia 25 de dezembro.

Veja também:

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael