Capa da Publicação

Liga da Justiça Sombria: Nova HQ transforma membro da equipe em uma arma aterrorizante

Por Gus Fiaux

Os fãs da DC Comics tiveram um vislumbre macabro e terrível das possibilidades que o multiverso pode nos oferecer com Dark Nights Metal. E agora, para dar ainda mais aprofundamento a essa saga maníaca, a editora acaba de lançar um especial chamado Tales From the Dark Multiverse: Dark Nights Metal. E nessa edição, vemos o Batman Que Ri liberando toda sua loucura ao mundo.

No Multiverso Sombrio da DC, há um universo onde os eventos de Dark Nights Metal vieram para corromper todos os membros da Liga da Justiça e outros heróis associados a eles, como é o caso de Zatanna, uma poderosa feiticeira que está ligada à Liga da Justiça Sombria, o ramo místico da equipe de super-heróis.

“Eu acho que isso pede por minha adorável assistente. Zatanna, me dê uma mãozinha”

Na revista, reencontramos o Batman Que Ri, a versão sombria do Cavaleiro das Trevas que se transformou no Coringa. Ele guarda vários troféus que coletou dos diversos heróis caídos – dentre os quais, temos a mão decepada de Zatanna, que foi removida da feiticeira enquanto ela praticava um feitiço.

Dessa forma, o Batman Que Ri é capaz de produzir feitiços do mesmo modo que a heroína, falando de trás para frente. Com esses poderes místicos, ele começa a lutar contra vários heróis que ainda tentam resistir ao seu poder, causando mais morte e mais destruição nesse universo já assolado pela tragédia.

Ainda assim, essa revista – que se passa em um universo alternativo – traz um final amargo para o Batman Que Ri. Enquanto ele está distraído usando a mão da bruxa, Dick Grayson é capaz de liberar o Dragão Coringa (que também estava entre os espólios do vilão) e forçá-lo a enfrentar seu mestre. Sem conseguir reagir a tempo, o Batman Que Ri é incinerado pelo fogo da criatura.

Tales From the Dark Multiverse: Dark Nights Metal está disponível nas bancas norte-americanas, ainda sem previsão de publicação no Brasil. O título faz parte de uma coletânea maior, que procura explorar todo o lado mais sinistro do “multiverso sombrio” da DC Comics, dessa vez dando ênfase nas histórias de sagas recentes como Dark Nights Metal Dark Nights Death Metal.

Abaixo, fique com 10 vilões da Liga da Justiça Sombria que queremos no cinema:

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux