DC Universe deixará de exibir séries e se tornará uma plataforma de quadrinhos

Capa da Publicação

DC Universe deixará de exibir séries e se tornará uma plataforma de quadrinhos

Por Evandro Lira

O DC Universe, serviço de assinatura da DC, estará passando por uma grande mudança no ano que vem. A partir de janeiro de 2021, o serviço passa a se chamar DC Universe Infinite e estará focada em histórias em quadrinhos.

A novidade contará com mais de 80 anos de história em quadrinhos disponíveis para os assinantes, que terão também a oportunidade de ler as HQs recém-lançadas da DC seis meses após o lançamento de suas versões físicas.

O DC Universe Infinite também será o lar de toda uma gama de conteúdos exclusivos estrelados pelos personagens da DC. Já os antigos “Originais DC Universe”, produtos audiovisuais como Patrulha do Destino, Stargirl e Harley Quinn, estão sendo migrados para o HBO Max, serviço de streaming da Warner.

Os atuais assinantes do DC Universe terão suas contas transferidas automaticamente para o DC Universe Infinite. Eles também poderão fazer o upgrade para incluir o HBO Max em sua assinatura por um adicional de 4,99 dólares por mês.

O DC Universe Infinite estará disponível para dispositivos iOS e Android por U$ 7,99 por mês ou U$ 74,99 por ano e estreia em janeiro. De acordo com a DC, ele estará disponível no mundo todo em meados de 2021.

Fique com:

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Bacharel em Cinema e Audiovisual, potterhead das antiga, filho dos filhos do átomo, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira