Capa da Publicação

Vingadores: Ultimato – Roteiristas contam que Thanos deixou que os heróis o matassem no filme!

Por Evandro Lira

Em Vingadores: Ultimato, os Heróis Mais Poderosos da Terra conseguem finalmente derrotar Thanos, não apenas uma, como duas vezes ao longo do filme. No entanto, na versão com comentários do longa, lançada nas lojas digitais nesta semana, o co-diretor Joe Russo e o roteiristas Christopher Markus e Stephen McFeely revelam que uma das mortes, foi na verdade, voluntária.

Logo no início de Ultimato, depois que a Capitã Marvel resgata Tony Stark do espaço, o time de heróis decide ir atrás de Thanos, com a ajuda de Nebulosa, a fim de reverter a ação do Titã Louco no fim de Guerra Infinita. N’O Jardim, após Thanos deixar claro que não haveria nada que eles pudessem fazer, Thor decapita o vilão com o seu Rompe-Tormentas.

McFeely: “Então, em um ponto da nossa reunião, todo mundo estava ficando frustrado dizendo: ‘Qual é a história aqui?’ E eu acho que Trinh Tran, nossa produtora executiva, apenas disse: ‘Deus, eu realmente gostaria que pudéssemos apenas matá-lo.’ E todos nós pensamos: ‘Espere um segundo. O que que quer dizer?’, e fomos por toda essa estrada, onde resolvemos o problema nos primeiros 12 minutos? Eu não sei quando acontece.”

 

Joe: “Sim, muito rapidamente, mas o que é ótimo nisso, é que permite que um tipo muito diferente de filme se desenrole. Um que é reflexivo e pensativo, e orientado pelos personagens, em vez de orientado pelo enredo.”

 

Markus: “E eles só realizam o que Thanos permite que eles realizem. Ele terminou seu trabalho e deixa que eles o matem.”

Depois de ter eliminado metade da vida do universo, Thanos usou as Jóias do Infinito novamente, ficando cada vez mais incapacitado e cheio de ferimentos, o que deve ter sido suficiente para que o Titã não oferecesse resistência ao ataque dos Vingadores. Ele já havia cumprido o propósito da sua vida.

O que você acha da revelação dos artistas? Deixe seu comentário!

Fique com imagens do filme abaixo:

Fonte: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Editor, bacharel em Cinema e Audiovisual, bruxo nascido trouxa, filho dos filhos do átomo, mestre dos quatro elementos, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira