Capa da Publicação

Vingadores: Ultimato – Chris Hemsworth queria mais tempo de tela para a nova versão do Thor!

Por Raphael Martins

Em Vingadores: Ultimato, vemos como cada um dos personagens lidou com a derrota sofrida nas mãos de Thanos cinco anos depois de o vilão ter feito seu famigerado estalar de dedos, que apagou metade de todos os seres vivos do universo.

De todos os membros dos Vingadores, Thor certamente foi o que mais mudou. Deprimido, desmotivado, acima do peso e com problemas com a bebida, o deus do trovão é visto irreconhecível no filme. Mas as coisas poderiam ter sido um pouco diferentes.

Chris Hemsworth, ator que dá vida a Thor nas telonas, falou ao site Variety sobre o arco de seu personagem em Ultimato, revelando que teve que lutar para que essa nova versão do herói asgardiano tivesse mais tempo de tela.

Na entrevista, ele comenta que chamava a si mesmo de “Thor Lebowski” (em uma referência ao protagonista do filme O Grande Lebowski, estrelado por Jeff Bridges), dizendo que ele gostou de sua transformação porque “você não está travado em expectativas”.

Ele revela na entrevista que Thor deveria ter voltado a sua forma normal e musculosa no meio do filme, mas que lutou para que ele permanecesse como estava.

“Eu curti aquela versão do Thor. Era tão diferente de qualquer outra maneira que eu interpretei o personagem que acabou ganhando vida própria.”

O ator falou também sobre a experiência da transformação através de próteses e maquiagem pesada:

“Fisicamente, eram umas boas três horas de cabelo e maquiagem. Então vinha a roupa prostética, particularmente para a cena sem camisa, que era uma grande peça de silicone que pesava uns 90 quilos. Com certeza foi exaustivo. Eu tinha pesos nas minhas mãos e tornozelos só para que meus braços e pernas se movessem de um jeito diferente quando eu os balançava pelo set.”

Sobre a reação de seus amigos e colegas de trabalho a sua transformação radical, ele disse:

“As pessoas continuavam vindo e me abraçando como um urso enorme, ou passando a mão na minha barriga como se eu estivesse grávido, ou tentando sentar no meu colo como se eu fosse o Papai Noel. Eu recebi muito afeto. Eu me senti como um velho, um vovô com um monte de crianças ao redor. E aí você fica cansado de ter pessoas vindo e pegando na sua barriga. ‘Não me pegue assim!’ Agora eu sei como a minha esposa se sentiu quando estranhos vinham e passavam a mão na barriga dela.”

Fique com vários pôsteres de Vingadores: Ultimato em nossa galeria:

Fonte: CBR

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael