Capa da Publicação

Vingadores: Ultimato – Anthony Russo revela por que o Gavião Arqueiro não apareceu em “Guerra Infinita”!

Por Raphael Martins

Em Vingadores: Guerra Infinita, tivemos o maior encontro dos personagens do universo cinematográfico da Marvel até agora. A ameaça que Thanos representava era tamanha que foi preciso que dezenas de heróis se unissem para fazer frente ao Titã Louco, que estava de posse das jóias do infinito.

Mas entre esses heróis, um fez falta. Um que, apesar de não ter nenhum super-poder poderia ter sido útil aos protagonistas à sua própria maneira. Estamos falando de Clint Barton, o Gavião Arqueiro, um dos humanos mais habilidosos da face da Terra. Mas onde estava ele quando o planeta mais precisou?

Em uma entrevista ao site FandangoAnthony Russo, que dirige Vingadores: Ultimado junto com seu irmão Anthony, falou sobre o paradeiro de Barton durante os eventos de Guerra Infinita. Para ele, o personagem tinha um bom motivo para não tomar parte ou sequer saber o que estava acontecendo:

“Não posso entregar muito da história sobre isso, mas certamente o Gavião Arqueiro ficou longe dos eventos de Guerra Infinita. Porque no final de Guerra Civil, o Gavião escolheu se manter longe de conflitos e ficou com sua família. Por isso ele não teve um papel em Guerra Infinita a nível de narrativa, mas Thanos certamente veio chamando todo mundo no final de Guerra Infinita. Então é por isso que ele agora está envolvido nisso e está seguindo em frente em Ultimato.”

O Gavião Arqueiro de Jeremy Renner apareceu bem diferente nas novas prévias de Ultimato, com um corte de cabelo estilo moicano e uma vistosa tatuagem no braço. O que poderia ter causado essa mudança tão grande no herói? Logo saberemos.

Fique com novos cartazes do filme na galeria a seguir:

Vingadores: Ultimato estreia no dia 25 de abril.

Fonte: BleedingCool

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael