Capa da Publicação

Produtora de The Witcher explica o custo da magia na série

Por Gus Fiaux

É difícil criar fantasia para a TV e para os cinemas – especialmente quando muitas coisas podem ser explicadas de forma conveniente, graças à magia. Felizmente, The Witcher sabe como contornar esse problema, já que no universo da série, a magia requer um custo muito alto.

Recentemente, a produtora Lauren S. Hissrich falou com o IGN sobre os elementos mágicos da série que será estrelada por Henry Cavill. De acordo com ela, a magia é um elemento caro, que causa exaustão física em quem a conjura – e isso pode até custar a própria vida de um mago:

“Se o exército de Nilfgaard possui mais força bruta, o que seria isso se alguém pudesse estalar magicamente os dedos, e de repente todos eles morressem? Então, uma das coisas que estabelecemos é que a magia é fisicamente exaustiva. E você não pude usar magia infinitamente. Vai custar a sua vida, em algum momento. Eu acho que dramatizamos isso muito bem na série, para que não seja uma solução fácil para todas as coisas.”

A série será lançada nesta sexta-feira (20), e se propõe a adaptar os livros da saga escrita por Andrzej Sapkowski. Com um elenco espetacular e uma produção muito bem arquitetada, a série promete ser um sucesso – e já tem sete temporadas sendo planejadas, antes mesmo do lançamento de sua primeira.

Veja mais notícias de The Witcher:

Henry Cavill diz que The Witcher não o impede de interpretar Superman

Henry Cavill lê The Witcher em novo vídeo da Netflix, assista

The Witcher tem seu trailer final divulgado

Na galeria abaixo, fique com cartazes da série:

The Witcher chega à Netflix no dia 20 de dezembro.

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux