Capa da Publicação

Novo episódio de Watchmen faz referência ao filme de Zack Snyder!

Por Guilherme Souza

Atenção: Alerta de Spoilers!

A série Watchmen tem ganhado o coração dos fãs, justamente por se manter fiel à premissa criada por Alan Moore e Dave Gibbons e por continuar os eventos narrativos de maneira coesa e empolgante.

No episódio do último domingo, vimos finalmente uma explicação para o desaparecimento do Dr. Manhattan, bem como a revelação do paradeiro de Ozymandias e como ele foi parar em uma das luas de Júpiter. Acontece que além de esclarecer os eventos da trama, o episódio também serviu para referenciar o filme da equipe, que foi lançado em 2009, tendo Zack Snyder como diretor.

No longa, Snyder preferiu alterar o final da história, substituindo a lula interdimensional, que foi transportada por Adrian Veidt para a cidade de Nova York, pelo derretimento de um reator nuclear, fazendo com que a culpa do incidente recaísse sobre o Dr. Manhattan.

No episódio da série, vemos Manhattan visitando Veidt em seu esconderijo na Antártida em 2009, o mesmo ano em que o filme de Snyder foi lançado. O ser divino estava em busca de uma maneira de esquecer seus poderes e de se misturar com os humanos – e sabia que Veidt podia lhe oferecer isso.

Ao chegar no local, vemos Veidt observando as notícias mundias e repudiando o fato do governo ter escondido o ataque da lula com a desculpa de que foi o derretimento de um reator nuclear.

“Derretimento de reator…idiotas! Dei a eles todas as oportunidades. Ventos solares, poder de transmissão sem fio. Por que, ah, por que eles precisam continuar fabricando bombas abandonadas por Deus?”

Apesar de sutil, a referência certamente é precisa e se conecta muito bem com uma desculpa que o governo usaria para esconder as ações de Ozy.

Veja também:

Fique com imagens da primeira temporada de Watchmen em nossa galeria:

Fonte: SR

Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'