Capa da Publicação

Marvel mata um dos maiores inimigos do Homem-Aranha nos quadrinhos!

Por Raphael Martins

O arco atual dos quadrinhos do Homem-Aranha, “Hunted” (ou “caçado”, em tradução livre), terminou recentemente nos Estados unidos, em Amazing Spider-Man #22. E ela se encerrou de uma maneira trágica.

Na história, Kraven, um dos mais antigos e perigosos inimigos do cabeça de teia, contrata o vilão Arcade para transformar o Central Park, em Nova York, em uma enorme zona de caça. Lá, ele prendeu todos os vilões da Marvel inspirados em animais, como o Rhino e o Escorpião, para serem caçados por turistas controlando robôs remotos.

Felicia Hardy/Gata Negra e Billy Connor, o filho do vilão Lagarto, também estão presos lá. Do lado de fora, Kraven mantém o Homem-Aranha e o Lagarto como prisioneiros, enquanto seu filho Sergei caça a Gata e Billy.

Em uma jogada esperta, o Aranha consegue desativar o inibidor preso ao Lagarto, que consegue escapar para salvar Felícia e seu filho, deixando o Aranha sozinho para lidar com Kraven.

O vilão então confronta o Homem-Aranha, dizendo que ele falhou como herói por sempre deixar seus inimigos vivos. Para ele, o fato de o herói apenas prendê-los ao invés de matá-los é uma falha grave, já que seus inimigos sempre acabam escapando para fazer ainda mais vítimas.

O Aranha quase cai no papo do vilão, mas percebe que Kraven matou um esquadrão inteiro de seus próprios guardas só para que o herói acreditasse que o Lagarto o tinha feito. Então o amigão da vizinhança refuta a lógica de seu inimigo, dizendo que mostrar piedade e segurar seus instintos sombrios é uma escolha muito mais difícil. Ele convence Kraven de que o vilão não é um caçador nobre, e sim uma fera descontrolada.

Kraven então liberta o Homem-Aranha e todos os outros prisioneiros, e depois é mostrado algo que parece ser o herói fugindo pelo Central Park, que é abatido por Sergei. Quando ele remove a máscara do Homem-Aranha ele descobre seu próprio pai, Kraven, morto por suas mãos.

Este foi um fim trágico, embora honrado, para um grande inimigo do escalador de paredes, que acabou compreendendo, no final de sua vida, o que separa um caçador de sua caça.

Você confere imagens da edição na nossa galeria abaixo:

Fonte: ComicBook

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael