Godzilla 2: Rei dos Monstros – Diretor explica como foram feitas as criaturas do filme!

Capa da Publicação

Godzilla 2: Rei dos Monstros – Diretor explica como foram feitas as criaturas do filme!

Por Raphael Martins

De todos os monstros gigantes que o Japão já produziu até hoje, nenhum é mais conhecido que o Godzilla, que está aí aterrorizando a população (e de vez em quando salvando o mundo) desde os anos 50. O personagem, criado como uma crítica ao uso de maneira indiscriminada da energia nuclear durante a segunda guerra, está prestes a ganhar um novo filme, Godzilla 2: Rei dos Monstros, sequência do sucesso de 2014.

Em entrevista ao Cinema Today JP, o diretor Mike Dougherty falou um pouco sobre o processo de criação dos monstros para o novo filme, começando por seu protagonista:

“Com Godzilla, eu realmente gostei do que (o diretor Gareth Edwards) tinha feito no filme anterior com o visual dele, então eu só quis fazer pequenos ajustes, como mudar os espinhos nas costas dele para que se parecesse mais com o Godzilla de 1954. Esses em particular foram diretos diretamente das costas do Godzilla original de 1954. Então eu fui no Photoshop e só ajustei esses espinhos nas gostas do filme do Gareth. Eu deixei os pés e as garras maiores, porque uma criatura predatória como ele tinha que ter garras muito poderosas para rasgar suas presas.”

A seguir, o diretor falou sobre Rodan e sua estética:

“Eu tentei criar um visual para ele que passasse um sentimento como se algo tivesse saído de dentro de um vulcão. Então, na aparência de suas escamas e até na cor de seu corpo, existem elementos de pedra vulcânica, porque eu queria criar uma criatura que parecesse que poderia viver dentro de um vulcão se precisasse, ao mesmo tempo que deveria parecer algo que a mãe natureza tivesse criado.”

O diretor também falou sobre Mothra, outro dos inimigos clássicos do rei dos monstros que estará no filme:

“Para Mothra, eu tentei capturar o poder do Mothra original com sua paleta de cores, me certificando de que ela teria os pontos em forma de olho em suas asas. Esses pontos foram criados para parecerem os olhos do Godzilla, porque eu queria criar uma conexão entre Mothra e Godzilla. Eu tentei faze-la parecer mais como um inseto tradicional que existe no nosso mundo, mas também dei a ela pés maiores porque eu queria que ela fosse capaz de se defender e lutar contra outras criaturas se precisasse, e se ela não tivesse longas pernas ou garras, seria vulnerável demais.

Se você olhar para mariposas na natureza, elas tem pernas muito longas, então eu tentei criar algo que fosse belo, feminino, elegante e parecesse com uma verdadeira deusa, mas também perigosa se ela tivesse que ser.”

E finalmente, Dougherty falou sobre Ghidorah, o assustador dragão de 3 cabeças:

“O divertido do Ghidorah foi tentar criar um dragão que fosse único, mas claramente o Ghidorah. Então suas asas são diferentes, mas também algo que poderia alçar voo e tomar os céus se fosse preciso. Outra coisa divertida que fizemos foi dar uma personalidade diferente a cada cabeça, então cada uma delas é diferente da outra. Eu gosto de pensar que a cabeça do centro é a mais esperta, o alfa. Das três, é ele quem está realmente no comando, e as outras duas são só seus lacaios.

Cada criatura tinha que ser única entre as outras, mas também prestar tributo a todos os monstros que vieram antes. Nós trabalhamos de perto com a Toho para ter certeza de que cumpriria com as expectativas deles, então é por isso que ele tem duas caudas com espinhos e suas cores douradas. Para fazer isso, nós olhamos muitos animais diferentes na natureza, diferentes répteis, lagartos e cobras, especialmente as Najas, e estudamos suas escamas para construir algo que parecesse realista. A grande regra para todas as criaturas era, se eles descobrissem os fósseis dessas criaturas, você iria acreditar que elas realmente poderiam ter existido.”

Confira várias imagens do filme na nossa galeria abaixo:

Godzilla 2: Rei dos Monstros estreia em 31 de maio de 2019.

Fonte: Comic Book

Imagem de perfil
sobre o autor Raphael Martins

Redator, apresentador e roteirista. Gosto de longas caminhadas na praia, Star Wars, tokusatsu, anime e filé com batata frita. Deixo as pessoas constrangidas. Você pode trocar uma ideia comigo no Twitter: @aqueleraphael