Diretor de “X-Men: Fênix Negra” diz o que a fusão entre Fox e Disney alterou no filme!

Capa da Publicação

Diretor de “X-Men: Fênix Negra” diz o que a fusão entre Fox e Disney alterou no filme!

Por Leo Gravena

Agora que a 20th Century Fox e parte da Disney, os próximos filmes dos X-Men devem ser lançados pela Marvel Studios, com produção de Kevin Feige. O último longa da equipe mutante lançado pela companhia será X-Men: Fênix Negra.

Em uma entrevista com o The Hollywood Reporter o diretor do filme, Simon Kinberg, falou sobre sua relação com Kevin Feige, o diretor da Marvel Studios.

“Kevin Feige e eu nos conhecemos desde o meu primeiro filme dos X-Men, na verdade. Ele era um produtor quando eu fui o co-roteirista de ‘O Confronto Final’. Somos amigos já faz anos e também somos pessoas que torcem um pelo outro e apoiam um ao outro”. Kinberg diz que eles não se encontram tem um tempo, devido a agenda lotada, porém a última vez que saíram juntos ficaram apenas falando sobre Além da Imaginação. O diretor de Fênix Negra também falou sobre o impacto que a compra da 20th Century Fox pela Disney teve no filme.

“A única coisa que [conversei com Kevin Feige] em termos de Disney e Marvel foi sobre o quão boa é a equipe de marketing da Disney, porque a única coisa que teve um impacto em Fênix Negra da fusão da Disney-Fox é o fato que de a equipe da Disney se tornou parte da equipe de marketing e do processo de publicidade. Eles são muito bons e eu conheço os caras da Disney já tem um tempo. Eu produzi ‘Cinderela’ lá. Eu ajudei um pouco e trabalhei em alguns dos filmes de ‘Star Wars’. Eu conheço eles bem e ver eles tão de perto no marketing e publicidade do filme é realmente impressionante”. 

Por fim o diretor e produtor deixa claro: “Eu não tive nenhuma conversa formal com [a Marvel] sobre os planos [para os X-Men]”.

 

Confira abaixo algumas imagens do último filme dos X-Men produzido pela Fox:

X-Men: Fênix Negra estreia nos cinemas dia 6 de junho de 2019.

 

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor-Chefe | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."