Capa da Publicação

Capitã Marvel – História rejeitada pela Marvel serviu como inspiração para origem da heroína no MCU!

Por Evandro Lira

A origem da Capitã Marvel nos quadrinhos remonta lá da década de 60, quando a heroína ganhou seus poderes através de um acidente envolvendo o Capitão Marvel. No Universo Cinematográfico Marvel, a heroína tem uma origem diferente, envolvendo a cientista Kree, Mar-Vell e a joia do Espaço. Mas essa origem que vimos em seu filme solo foi inspirada principalmente por uma ideia rejeitada pela Marvel, conforme explicam Mary Livano, produtora do longa e a Kelly Sue DeConnick, escritora da HQ mais recente de Carol Danvers.

Durante uma conversa com o io9, DeConnick explicou que a nova origem da Capitã Marvel nas HQ teria uma pegada bem feminista e envolveria uma viagem no tempo, onde Carol assistiria ao momento em que ela adquiriu seus poderes:

“Não estou reclamando, ok, não sou dona desses personagens e entendo porque disseram não”, disse DeConnick . “Mas em ‘Captain Marvel – Volume 1: In Pursuit of Flight’, era para ela voltar no tempo, para a explosão que deu seus poderes, era para ser um paradoxo onde ela estaria testemunhando sua própria história de origem. Lá ela estava sendo mantida como refém, e Mar-Vell pega seu corpo e está tentando tirá-la do lugar quando a máquina explode, e o poder da explosão transfere seu DNA para o dela e ela é superpoderosa.”

O que DeConnick sugere é que a Capitã Marvel seria muito mais “dona do seu próprio destino” em sua nova fase, sendo a responsável por ganhar seus poderes de uma forma paradoxal:

“O que eu queria fazer era viajar no tempo com Carol, então ela estaria na cena em que está conseguindo seus poderes”, continuou DeConnick. “Ela estaria lá com Helen Cobb, que é outra piloto, e ela e Helen estão assistindo o momento. Só que Helen quer esses poderes, então ela intencionalmente corre para a cena para ser atingida pela explosão. Isso faria Carol precisar entrar e resgatar seu eu mais jovem para que, quando a máquina explodisse, transferisse os poderes da Carol atual para a Carol, de modo que ela se tornaria a fonte de seu próprio poder.”

Mary Livanos, disse que mesmo que essa origem tenha sido recusada pela editora, ela serviu como inspiração para a história da heroína no MCU:

“E você vê os traços gerais disso no enredo do filme Capitão Marvel”, disse Livanos. “Helen Cobb, grande inspiração para Wendy Lawson, nossa atualização de Walter Lawson, que era a identidade do Capitão Mar-Vell, mas nós queríamos que Carol… tivesse tomado uma decisão heroica que lhe daria seus poderes. Não precisaria do Capitão Marvel para salvá-la. Queríamos que a fonte de seu poder viesse de sua própria decisão.”

O que você acharia caso isso realmente tivesse sido levado adiante? Deixe seus comentários!

Fique com imagens de Capitã Marvel na nossa galeria:

Fonte: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Evandro Lira

Bacharel em Cinema e Audiovisual, potterhead das antiga, filho dos filhos do átomo, fã de mais coisas do que deveria, frequentemente falando sozinho no Twitter. Segue: @evandroslira