Vingadores: Guerra Infinita – Roteiristas falam sobre a “culpa” do Senhor das Estrelas!

Capa da Publicação

Vingadores: Guerra Infinita – Roteiristas falam sobre a “culpa” do Senhor das Estrelas!

Por Guilherme Souza

Atenção: Alerta de Spoilers!

Vingadores: Guerra Infinita nos mostrou os heróis do MCU tendo que tomar decisões difíceis e sofrendo as consequências de seus atos impulsivos, mas uma das maiores polêmicas do longa, foi sobre culpar ou não o Senhor das Estrelas pelo confronto em Titã contra Thanos ter falhado. Em uma recente entrevista, Christopher Markus e Stephen McFeely, roteiristas da trama, deram sua opinião sobre o assunto e afirmaram que houve mais de um culpado.

Não é de hoje que sabemos que o Senhor das Estrelas toma decisões precipitadas e é uma pessoa extremamente impulsiva, mas as pessoas ficaram indignadas com as atitudes do herói em Vingadores: Guerra Infinita. Ao descobrir que Thanos havia matado Gamora, Peter Quill se descontrola e começa a confrontar o Titã Louco que estava sendo segurado pelo controle emocional de Mantis.

Quill então bate sem querer na alienígena e faz com que ela perca o controle sob Thanos, fazendo assim com que o plano de remover a Manopla do Infinito da mão do Titã Louco fosse por água abaixo. Isso fez com que muitas pessoas culpassem o Senhor das Estrelas por todos os eventos que se sucederam, mas segundo Christopher Markus e Stephen McFeely, roteiristas do longa, Quill não foi o único culpado.

“Eu amo esse debate que vi na internet, ‘É Culpa do Senhor das Estrelas! É culpa do Doutor Estranho! É culpa do Thor!'” disse McFeely ao Collider. “Todos tiveram culpa na falha do plano. Se Steve e Tony tivesse se unido, todos teriam… Se Guerra Civil não tivesse acontecido, os Vingadores estariam unidos. Existe muita coisa para ser culpada e talvez não tivesse nada que eles pudessem ter feito.

Os roteiristas continuam sua linha de raciocínio, se lembrando que Thanos é um ser poderoso, mesmo que não estivesse em posse da Manopla.

“Thanos destruiu metade do Universo sem as Joias,” disse Markus. “Quero dizer, ele foi de planeta em planeta assassinando pessoas. Ele é incrivelmente forte sem as Joias. Eu acho que eles ficariam bem desapontados ao tirarem a luva dele e descobrirem que mesmo assim ele poderia acabar com a raça deles.”

Isso realmente faz sentido, Thanos talvez não precisasse das Joias para destruir os heróis em Titã, o que faz dele uma ameaça ainda maior, agora que os heróis foram reduzidos pela metade.

Veja imagens de Vingadores: Guerra Infinita em nossa galeria:

Vingadores: Guerra Infinita já está em cartaz nos cinemas.

Imagem de perfil
sobre o autor Guilherme Souza

Outra grande manchete: 'Água, molhada!'