Vingadores: Guerra Infinita – Diretor volta a explicar que Vingadores 4 não é a “parte 2” do filme!

Capa da Publicação

Vingadores: Guerra Infinita – Diretor volta a explicar que Vingadores 4 não é a “parte 2” do filme!

Por Felipe Vinha

Quando Vingadores: Guerra Infinita foi anunciado, ele veio com o subtítulo “Parte 1”, indicando que haveria uma “Parte 2”, que hoje é Vingadores 4. A Marvel já chegou a confirmar que o próximo filme da série não é mais uma “Parte 2” de Guerra Infinita, mas o diretor Joe Russo voltou a reforçar esta ideia.

Falando ao site CinemaBlend, Russo comentou que os dois próximos filmes dos Vingadores estão conectados, mas não da forma que os fãs esperam, não da maneira tradicional:

“Nossa interpretação sempre foi… Olhamos para o processo, com os co-roteiristas, da mesma forma que Soldado Invernal se relaciona com Guerra Civil e da mesma forma que Guerra Civil se relaciona com Guerra Infinita. Estes dois filmes dos Vingadores também vão se relacionar. Há uma linha narrativa que conecta os dois filmes, mas, ao mesmo tempo, há uma independência nos termos do que será a experiência, ou para onde a história vai. Não é uma história em duas partes. Eu acho que o conceito de duas partes voltou quando a Marvel decidiu que eles iam culminar o Universo Cinematográfico. Seria um acordo de dois filmes. Mas, conforme desenvolvemos o filme, na execução, acabou se tornando duas expressões singulares. E eu creio que isso apenas aconteceu.”

Para você, é melhor ou pior desta forma? Vingadores: Guerra Infinita deve funcionar como um filme? Isso quer dizer que Thanos será derrotado nesta aventura? São tantas perguntas e poucas respostas.

Veja imagens de Vingadores: Guerra Infinita, em nossa galeria:

Vingadores: Guerra Infinita já está em cartaz nos cinemas.

Fonte: Heroic Hollywood

Imagem de perfil
sobre o autor Felipe Vinha

Já tentei salvar o mundo de uma invasão alienígena, mas hoje me contento em ser jornalista. Gosto de quadrinhos e suas adaptações na TV ou cinema, animes, tokusatsu, games (de luta principalmente) e tecnologia. Vamos trocar uma ideia no Twitter @felipevinha