Venom – Origem dos Simbiontes é completamente modificada nos quadrinhos!

Capa da Publicação

Venom – Origem dos Simbiontes é completamente modificada nos quadrinhos!

Por Mike Sant'Anna

Atenção: Alerta de Spoilers!

Venom e os simbiontes sempre tiveram uma origem um tanto quanto conturbada e confusa. Embora a origem do Venom de Eddie Brock seja bem clara e permaneça intacta, o novo quadrinho Venom #4 traz uma reviravolta impressionante no status quo da raça simbionte.

Nesta edição, nós temos uma entidade, chamada de Deus Simbionte, contando para Eddie Brock a origem de sua raça. A história criada por Donny Cates e Ryan Stegman traz até mesmo um significado para o planeta natal dos simbiontes, Klyntar.

A divindade conta que ele era o governante da dimensão do Vácuo no espaço, antes mesmo da chegada dos Celestiais, e quando os mesmos chegaram, ele precisou proteger o seu domínio. Assim sendo, ele começou a assassinar alguns celestiais, forjando do corpo de um deles a Necrosword, o primeiro simbionte, uma arma que já havia aparecido em 2013 em um quadrinho do Thor.

Foi explicado que pelo fato desta espada ter sido formada no fogo do corpo morto de um celestial, e forjada com um martelo estrondoso, é o motivo pelo qual os simbiontes temem fogo e barulhos altos. Depois de perder a espada, o Deus dos Simbiontes aprendeu como criar seres que dariam formas para coisas que já existe, assim nasceram os hospedeiros, como o Venom de Eddie Brock.

Ele usou estes hospedeiros para espalhar suas criaturas pelo espaço e destruir e conquistar planetas. Até chegar na Terra por volta da época Viking, onde suas criaturas fizeram a população clamar pela chegada de Beowulf. Mas ao invés do herói nórdico, foi Thor quem apareceu trazendo um raio de eletricidade para acabar com as criaturas.

Esta luz quebrou a mente coletiva das criaturas simbiontes, que perceberam o quanto seu mestre era maligno. Assim sendo, eles começaram a se juntar, e a juntar sua matéria, para envelopar o seu criador, até que ele fosse aprisionado em uma gaiola do tamanho de um planeta.

E assim na página final, o Deus dos Simbiontes diz que a palavra na língua simbionte para gaiola é Klyntar, o nome do planeta natal. Dessa forma, em apenas uma edição, os simbiontes ganharam um deus, uma origem enorme, uma conexão muito forte com Thor e os asgardianos. Agora, Venom está em contato com essa criatura anciã, no seu planeta prisão.

Veja imagens da HQ de Venom na nossa galeria abaixo:

Fonte: ComicBook.com

Imagem de perfil
sobre o autor Mike Sant'Anna

Eu sou o melhor no que eu faço, mas o que eu faço... É bem retardado.