Capa da Publicação

Venom – Marvel pode ter matado o simbionte em nova HQ!

Por Gus Fiaux

Atenção: Alerta de Spoilers!

A revista solo do Venom está sendo, atualmente, uma das mais aclamadas da Marvel Comics. O roteirista Donny Cates conseguiu reinventar o personagem, adicionando camadas de mistérios e segredos à sua rica mitologia, e trazendo uma humanização maior ao simbionte alienígena. Contudo, na sexta edição do título, parece que Eddie Brock acaba de perder seu maior aliado…

Na história, vemos o Venom (junto com Eddie Brock) se fundindo a Rex Strickland, para deter de uma vez por todas o megalomaníaco Knull – o Deus dos Simbiontes. Quando a batalha se acirra, vemos Rex se sacrificando para tentar prender o vilão em uma fornalha, salvando Eddie no processo.

Contudo, Knull é mais forte do que aparenta, e tenta se libertar. Para detê-lo, Eddie pede que o simbionte se recolha para dentro de seu corpo, inibindo os receptores de dor – assim, ele mesmo tentaria manter a fornalha fechada, com sua própria força. E no fim, os dois conseguem vencer, mas a um preço terrível.

Eddie cai no chão, muito enfraquecido. Enquanto isso, o simbionte começa a escorrer de seu corpo, e o ex-jornalista consegue ouvir suas “últimas palavras”: “Nós conseguimos, Eddie. A conexão de Knull com seu simbionte está falhando, eu sinto. Ele se foi. Eu posso sentir… Foi demais. Nós ainda estávamos conectados. Eu deveria ter te contado… Eu te amo, Eddie.”

Por fim, vemos Eddie deitado no chão, com uma poça escura ao seu redor. Mas ele não consegue mais contactar o simbionte. Com isso em mente, é possível que o Klyntar – que já conhecemos há quase quatro décadas – tenha finalmente encontrado seu fim.

Abaixo, confira as imagens dessa suposta despedida:

Venom #6 está à venda nas bancas norte-americanas, mas ainda não tem previsão de lançamento no Brasil.

Fonte: Comic Book

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux