Saintia Shô: 1×03 – Entra na droga da armadura, Shoko!

Capa da Publicação

Saintia Shô: 1×03 – Entra na droga da armadura, Shoko!

Por Felipe Vinha

Saintia Shô retorna para um terceiro episódio bem fora do ritmo habitual de animes “shonen de luta”, mas isso não é uma crítica. O anime, se baseando em uma marca que já está cansado em repetir enredos, apresenta boas novas abordagens para personagens que conhecemos há décadas.

Saori, por exemplo, em seu papel de Athena não deixa de sofrer, mas ao menos a vemos na linha de frente, ainda, combatendo os novos vilões. Enquanto isso, cada coadjuvante ganha uma dose certa de destaque na telinha, ainda que, para isso, a protagonista Shoko tenha seu tempo sacrificado – e, sinceramente, tá até bom assim.

Saber que Shoko não sofre do “protagonismo automático e poderoso” é ótimo. Ela não nasceu com seus poderes latentes e os desperta conforme aumenta seu desejo de salvar sua irmã – e nota-se que é a irmã, e não Athena, o que cria um paralelo interessante e diferenciado para Saintia Shô.

O título desta análise, claro, é uma brincadeira com Evangelion. Já que, ao contrário de Shinji, Shoko não tarda em usar a armadura de Equuleus, assim que pode, mas, ao mesmo tempo, demora um pouco até alcançar o nível permitido para isso, como se fosse um grande jogo de RPG.

A narrativa segue legal, leve e sem maiores compromissos, como Cavaleiros do Zodíaco tem que ser mesmo. Mas há uma coisa que está realmente começando a incomodar, que é a qualidade da animação.

Tipo, pela primeira vez vemos Shoko vestindo sua armadura, mas o momento é renegado a uma animação de “bolinhas de energia” que envolvem o corpo da jovem, sem nenhuma pompa ou maior cuidado da equipe de produção. As cenas que se seguem após isso são ainda piores, com closes ruins e golpes que mais parecem páginas do mangá, de tão parados.

Resta torcer para uma eventual melhorada na qualidade, pois assim, realmente, o nível está caindo um pouquinho.

Mas, no geral, Saintia Shô segue bem. Não é algo de outro mundo, mas também não ofende. E por enquanto está com equilíbrio legal entre todos os personagens. Aguardemos o desdobramento dos fatos do final deste capítulo, com Milo finalmente entrando em ação, entre outros pormenores.

Fique com imagens do episódio:

Imagem de perfil
sobre o autor Felipe Vinha

Já tentei salvar o mundo de uma invasão alienígena, mas hoje me contento em ser jornalista. Gosto de quadrinhos e suas adaptações na TV ou cinema, animes, tokusatsu, games (de luta principalmente) e tecnologia. Vamos trocar uma ideia no Twitter @felipevinha