Capa da Publicação

Pantera Negra – Michael B. Jordan diz ter precisado de ajuda psicológica após interpretar Killmonger!

Por Lucas Rafael

Erik Killmonger se destaca no panteão de vilões Marvel graças à brilhante interpretação do ator Michael B. Jordan. Agora, Jordan declarou as dificuldades que teve em deixar o personagem para trás depois de Pantera Negra.

Em entrevista ao Bill Simmons Podcast, Jordan revelou que a intensidade de Killmonger mexeu com sua cabeça:

“Era uma daquelas coisas nas quais eu não sabia o que estava acontecendo. Nunca estive em um personagem por tanto tempo que fosse tão, eu acho, sombrio, solitário, doloroso. Então, ao sair do personagem, pensei, ‘Ah são, apenas negócios como sempre. Posso voltar para casa, vou cortar meu cabelo, e tudo vai voltar ao normal.'”

Segundo Jordan, as coisas não transcorreram bem do jeito que ele planejou:

“Me encontrei, meio que na rotina de estar isolado e me esforçar em garantir que eu estivesse sozinho, sem falar muito mais do que o de costume. Quando encerrei o filme, levou um tempo para que eu conseguisse falar sobre meus sentimentos e o motivo de eu estar tão triste e meio deprimido.”

Jordan então revelou que buscou ajuda profissional terapêutica, o que fez com que ele voltasse a si, permitindo que ele se sentisse como ele mesmo novamente.

“Não foi só estar na sala, mas estar presente e ativo. E estar falando coisas que eu meio que nunca falei antes.”

Mesmo que o personagem tenha cobrado do psicológico de Michael B. Jordan, ele acredita ter feito o possível para entregar um bom vilão:

“Fiz o que parecia certo. O quer que fosse me colocar na posição emocional certa que eu precisava estar, foi isso que fiz.”

E aí, Killmonger também é um de seus vilões favoritos do Universo Marvel? Comente!

Via: CB

Imagem de perfil
sobre o autor Lucas Rafael

Redator. Entusiasta de coisas demais