Capa da Publicação

Esquadrão Suicida – Diretor fala sobre as cenas excluídas do Coringa no filme!

Por Gus Fiaux

Esquadrão Suicida é, até agora, o filme mais desastroso de todo o Universo Estendido da DC Comics. A produção do longa foi extremamente tumultuada, marcada por uma série de constantes refilmagens, mudanças no roteiro e muito material removido durante o processo de edição. Um dos personagens que sofreu excepcionalmente com esses problemas foi o Coringa, interpretado por Jared Leto.

Sabíamos que o vilão teria um papel relativamente grande no filme, mas quando o longa foi lançado, ele não passava de um coadjuvante de luxo, tendo várias de suas cenas sido removidas do corte final. Porém, o diretor David Ayer usou seu Twitter para explicar o grande papel do personagem:

“Depois que o Coringa derrubava a Arlequina do helicóptero, e a nave batia, a Magia fazia um acordo com ele. Ele levaria a Arlequina de volta para casa e seria o ‘Rei de Gotham’. A Arlequina se voltava contra ele e se recusava a trair seus amigos. O Esquadrão o enfrentaria e ele fugiria.”

De acordo com Ayer, isso influenciaria positivamente no arco da Arlequina, já que mostraria “crescimento e empoderamento” para a personagem. Ainda não sabemos, no entanto, se os planos iniciais eram de manter a cena na qual o Coringa a liberta da prisão de Belle Reve, como acontece ao final do filme que foi lançado nos cinemas.

Abaixo, confira artes promocionais e designs alternativos do filme:

Esquadrão Suicida está disponível em DVD, Blu-Ray e mídias digitais.

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux