Capa da Publicação

Esquadrão Suicida – Diretor revela principais diferenças que o filme teve!

Por Morganna Gumes

O filme do Esquadrão Suicida chegou aos cinemas trazendo uma equipe de supervilões que iriam lutar contra uma ameaça ao mundo, contudo a narrativa foi deixada de lado um pouco no filme para dar foco a músicas legais e muitos efeitos especiais. O roteirista do filme se pronunciou por suas redes sociais para explicar que isso não foi ideia sua.

O diretor do filme David Ayer foi questionado em seu Twitter por um fã, que queria saber se fazia parte da visão original dele o uso de muita música pop no filme e se ele pretendia desenvolver mais o esquadrão na sua relação como uma família e cada personagem individualmente.

David foi categórico na sua resposta, ele pretendia usar uma quantidade bem menor de música no filme e queria ter podido aprofundar muito mais a dinâmica da equipe entre si e a história pessoal de cada um deles. Houve rumores de que após o grande sucesso de Guardiões da Galáxia o filme quis apostar nessa pegada mais pop, pois os dois filmes são sobre equipes, porém isso nunca foi confirmado.

A primeira versão do roteiro da continuação de Esquadrão Suicida já está pronta, porém não sabemos se a Warner irá focar dessa vez mais na equipe e na relação dos membros entre si. A sequência contou com James Gunn e Gavin O’Connor no roteiro, Gunn que foi o responsável por transformar uma equipe não muito popular dos quadrinhos da Marvel em um grande sucesso com a sua adaptação de Guardiões da Galáxia.

Veja nossa galeria de Aquaman, próximo filme da DC nos cinemas:

Fonte: Heroic Hollywood

Imagem de perfil
sobre o autor Morganna Gumes

Apaixonada por cinema, quadrinhos e jogos, apaixonada por linguística e muito fã de Silent Hill. "the fear of blood tends to create fear for the flesh" - Silent Hill