Capa da Publicação

Disney – Empresa revela detalhes de seu streaming e garante que não quer “matar a Netflix”!

Por Felipe Vinha

Já não é novidade que a Disney planeja lançar seu serviço de streaming em 2019, com filmes, desenhos, séries e outros programas disponíveis na web. Porém, mais detalhes continuam a ser divulgados sobre este projeto, que vai funcionar de forma similar a outros atuais, como Netflix, Crunchyroll ou Hulu, mas não pretende eliminar a concorrência. Ao menos por enquanto.

Kevin Mayer, diretor de estratégia da Disney, falou ao site Deadline sobre o serviço e sobre a visão de mercado que ele deve abranger, além da concorrência:

“Pessoalmente, gosto da Netflix. Eles têm um produto incrível. Se saem de forma excelente no mercado. Isso que estamos fazendo, não estamos tentando matar ou destruir a Netflix. Estamos bem servidos pelo ecossistema de TVs pagas. Dezenas de milhões de consumidores estão servidos por eles. Mas também queremos oferecer uma opção de comprar mais e se preparar para o futuro.”

Além do serviço de streaming para entretenimento, a Disney também está buscando alternativas na web para outras de suas marcas, como a ESPN Plus, que vai transmitir eventos esportivos online para usuários pagantes.

Apesar da declaração amigável, porém, vale lembrar que a empresa decidiu não renovar com a Netflix em relação a seu conteúdo da Marvel – o que deve abranger desenhos animados, filmes e algumas de suas séries, sem falar no conteúdo de Star Wars.

Correndo por fora está ainda o acordo com a Fox, que deve garantir uma parte ainda maior do mercado de streaming, o que inclui o streaming Hulu, serviço que Mayer garante que continuarão apoiando e investindo.

Enquanto o serviço de streaming da Disney não chega, ainda tem muito conteúdo da Marvel para consumir, como Vingadores: Guerra Infinita, que estreia nos cinemas em breve.

Veja imagens do filme, abaixo:

Vingadores: Guerra Infinita já está em cartaz nos cinemas.

Imagem de perfil
sobre o autor Felipe Vinha

Já tentei salvar o mundo de uma invasão alienígena, mas hoje me contento em ser jornalista. Gosto de quadrinhos e suas adaptações na TV ou cinema, animes, tokusatsu, games (de luta principalmente) e tecnologia. Vamos trocar uma ideia no Twitter @felipevinha