Capa da Publicação

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald – Ezra Miller responde críticas feitas ao filme!

Por Leo Gravena

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald ainda não estreou, mas já faz um bom tempo que o filme vem causando uma série de polêmicas. Após contratarem Johnny Depp para interpretar o principal vilão da história, muitos fãs ficaram revoltados com os rumores de que a sexualidade de Dumbledore seria “apagada” no filme. Para completar, com o mais recente trailer do filme foi descoberto que uma das personagens do filme se tornaria a Nagine, a cobra de estimação de Voldemort, o que fez com que várias pessoas criticassem a trama por perpetuar estereótipos racistas contra asiáticos.

Em uma recente entrevista com a Total FilmEzra Miller, que interpreta Credence Barebone no longa, falou sobre as críticas que o filme tem recebido:

“Porque você não espera até ver o filme antes de começar a falar merda no twitter? Ou espera formar sua própria opinião sobre algo pelo menos uma vez na sua vida? Faça sua própria pesquisa, faça sua própria cabeça. Siga o seu coração e realente, realmente, investigue as situações antes de se identificar e escolher um lado e começar a jogar coisas na oposição. Porque isso é o que está estragando tudo agora. Isso nos polariza. Somos todos humanos e tem muitas coisas nas quais podemos concordar”. 

O ator, que já se identificou como queer tempos atrás, também falou sobre as criticas recebidas sobre o relacionamento entre Alvo Dumbledore e Gerardo Grindelwald. Originalmente, o diretor David Yates havia dito que nenhum dos dois personagens era “explicitamente gay”, mais tarde ele aparentemente disse que não era bem assim e deixou claro que o relacionamento entre os personagens ficaria subentendido. Em outras ocasiões Yates e Jude Law, que interpreta Dumbledore, explicaram que Os Crimes de Grindelwald é apenas o segundo filme da franquia e nos próximos o histórico dos personagens iria ser melhor trabalhado.

“É uma ideia engraçada para mim que toda forma de representação tenha que ser a mesma. Para mim, pessoalmente, eu acho a sexualidade de Dumbledore muito explicita nesse filme. Quero dizer, em todo lugar. Ele vê Grindelwald, seu amor de juventude que é o amor de sua vida; ele o vê no Espelho de Ojesed. O que o Espelho de Osejed te mostra? Nada mais do que o desejo mais desesperado do seu coração. Se isso não é explicitamente gay, eu não sei o que é. Eu acho que é muito poderoso ter personagens que são fascinantes e dinâmicos, fazendo coisas mágicas no mundo e essa história não é apenas sobre sua sexualidade. As pessoas também tem que tomar um momento e reconhecer o presente que Jo Rowling nos deu ao escrever um dos maiores personagens na história da literatura, um dos personagens mais amados no espectro da sociedade civil, e as ideologias e crenças estão ali: um dos personagens mais amados e, então, no final da série, ela fica tipo ‘Ah, sim, ele é gay. O que? Fale na minha cara’. Ela será sempre uma deusa por causa disso”. 

Animados para ver o filme? Não deixe de comentar.

Confira também algumas imagens do longa:

Animais Fantásticos: Os Crimes de Grindelwald estreou nos cinemas dia 15 de novembro de 2018.

Imagem de perfil
sobre o autor Leo Gravena

Editor-Chefe | @LeoGravena
"...It was never going to be okay..."