Capa da Publicação

O Renascimento do Cavaleiro das Trevas nas histórias em quadrinhos!

Por Fernando Maidana

Cavaleiro das Trevas nunca foi um personagem que sofreu por ter histórias ruins. Longe disso.

Na verdade, boa parte dos leitores sempre reclamou do protagonismo que o Cavaleiro das Trevas usufrui na mão de alguns roteiristas. Mesmo assim, o herói continua tendo destaque seja qual for a fase da DC Comics.

Mesmo nos Novos 52, quando a qualidade de algumas revistas foi questionada pelos fãs, o Batman seguiu firme e forte com roteiristas como Scott SnyderDavid FinchGrant Morrison no comando de suas histórias.

Batman Renascimento: O Bóton

Com a chegada de DC Renascimento, alguns ainda ficaram preocupados com o rumo que suas histórias tomariam, mas logo a desconfiança se transformou em admiração… mais uma vez.

Não entrarei no mérito do Batman sempre ter soluções improváveis para um humano comum ou a Batfamília possuir praticamente mais revistas do que todos os outros títulos juntos. Mas isso só comprova uma coisa: O Batman vende! E vende muito bem, obrigado.

Por mais que existam pessoas que não curtam o fato da DC utilizar o personagem em praticamente toda produção, é inquestionável que o Homem-Morcego permanece como um ícone inabalável dentro da editora, e muito disso se deve a dois fatores, um muito interligado ao outro.

O primeiro é que o personagem já se estabeleceu como um símbolo da cultura pop há muitos anos.

As pessoas usam camisetas, chaveiros, tênis, capas para celular [a lista é infinita] estampadas com o símbolo de um personagem que já existe há mais de 75 anos (pra ser mais preciso, ele comemora 78 anos em 2017)!

E é claro que quando você tem um apelo tão forte em mãos, você não pensará duas vezes antes de usá-lo. Aliás, pensará sim. Não apenas duas, mas três, quatro, cem vezes, na melhor maneira de aproveitar-se da imagem deste ícone.

É aqui que entra o segundo fator da equação. A DC sabe da força do Batman e é por isso que, por mais que o mundo possa estar desabando ao seu redor, ele permanecerá inabalável. Com os melhores roteiristas, os melhores desenhistas e as melhores histórias da editora.

E não há porque reclamar!

É graças ao personagem que nós fomos agraciados com alguns dos mais ricos heróis e vilões das histórias em quadrinhos. Sem o Batman nós não teríamos o Coringa, admirado por muitos como um dos maiores vilões das HQs.

Isso sem falar na imensa galeria de heróis da Batfamília!

Duke Thomas

Dick Grayson é um dos favoritos de muitos leitores da DC Comics, com uma história de origem tão trágica e um desenvolvimento tão profundo quanto o do próprio Homem-Morcego.

O mesmo pode ser dito de Barbara GordonTim Drake, Helena Bertinelli e tantos outros personagens que evoluíram de maneira magnífica ao longo dos anos. Sem contar os novos heróis com potencial para se tornarem grandes medalhões como Duke ThomasClaire Clover.

Fato é que as histórias do Batman continuam atraindo os fãs. Seja em sua revista solo, em Detective Comics ou Grandes Astros Batman, o personagem continua sendo peça central de algumas das maiores histórias da editora. Até mesmo a responsabilidade de salvar o mundo, no crossover entre Liga da JustiçaEsquadrão Suicida, recaiu sobre as costas de Bruce Wayne.

Graças aos grandes nomes que continuam vinculados aos títulos do personagem, as tramas se tornaram cada vez mais envolventes. O arco inicial do Batman em DC Renascimento, introduziu uma das personagens mais interessantes dessa nova geração de heróis, a Gotham Girl.

Até mesmo personagens secundários como o Cara de BarroPierrô e ColombinaTigre de Bronze e, acreditem, o Homem-Pipa são construídos de maneira a instigar a leitura dos fãs.

Algo que vem se tornado prática comum nos quadrinhos, nos últimos anos, são arcos envolvendo diversos títulos. Isso pode deixar alguns leitores confusos, já que é muita coisa pra acompanhar, mas te ajuda a conhecer novas histórias e personagens. O que é fascinante.

Foi assim que me senti quando comecei a ler Batman, tive de passar pelo crossover entre Liga da JustiçaEsquadrão Suicida e acabei na revista da Supergirl!

O universo dos quadrinhos está cada vez mais integrado e ter grandes personagens para guiar a viagem dos leitores por entre as tramas é algo crucial.

Se você sempre se interessou em ler as aventuras do Batman, mas não sabia por onde começar, Renascimento é o ponto de partida perfeito. Se você já é um leitor de quadrinhos, mas ainda não estava convencido de que valia a pena enveredar-se por Gotham City, não perca mais tempo!

Prepare seu manto, fique atento ao holofote nos céus e renasça ao lado do Cavaleiro das Trevas.

Não se esqueça que no dia 23 de Setembro nós celebraremos o Dia do Batman em São Paulo. A comemoração acontece no Centro Cultural São Paulo, à partir das 17 horas. Confira como participar clicando aqui!

Confira também!

Agora que a notícia acabou, aproveita para conferir o vídeo mais novo no nosso canal!

 

Imagem de perfil
sobre o autor Fernando Maidana

Boa piada. Todos riem. Rufam os tambores. Cortinas se fecham.