Capa da Publicação

Agentes da HIDRA: 4.20 – Adeus, Mundo Cruel

Por Gus Fiaux

No mais recente episódio de Agentes da S.H.I.E.L.D., intitulado “Farewell, Cruel World”, seguimos os eventos do episódio anterior, e dessa vez, foi a vez dos heróis conseguirem finalmente sair do Framework e voltarem ao “mundo real”, mas não sem perderem um importante aliado – e falharem ao tentar impedir a Madame Hidra/AIDA.

Na trama, Simmons vai atrás do pai de Fitz e acaba o matando, o que faz com que a HIDRA passe a persegui-la, com a ajuda de Radcliffe, que também revela ao Doutor a “porta dos fundos” da realidade virtual.

Assim sendo, May, Mack, Coulson, Daisy e Simmons viajam para as coordenadas da saída, e são seguidos por Fitz e seus associados. Uma vez lá, eles conseguem, um a um, fugir do Framework, ao mesmo tempo em que, no mundo real, Daisy e Simmons são caçadas pelo Superior.

Ao mesmo tempo, Mack desiste de partir para o mundo real, já que isso significa deixar de lado a vida com sua filha. Ele então permanece no Framework, em um dos momentos mais tocantes da temporada. Já AIDA finalmente consegue completar seu plano: depois de muita labuta, ela adquire um corpo “humano”, e ao sair do Framework, demonstra uma nova habilidade: a de se teletransportar, fugindo junto com o Fitz “real”.

De modo geral, o episódio em si foi uma grande construção para o que acontecerá nos próximos. Não há muito a se falar da evolução dos personagens, uma vez que nenhum deles demonstra tanta mudança aqui. Tivemos mais um episódio de transição, e posso apostar que a crescente emocional dos próximos dois episódios fará com que esse seja um tanto quanto esquecível, apesar de todas as apostas colocadas nele.

Com relação à direção, temos um episódio decente. Ainda que as cenas de ação – especialmente o confronto entre Simmons e o pai de Fitz – não sejam bem coreografadas, há uma competência básica no jogo de câmeras e na sonoridade. O destaque fica por conta do roteiro, que sabe encaixar ótimos momentos de humor à trama, gerando as cenas mais engraçadas desse arco de histórias até então.

Quanto à outros elementos como easter-eggs, o episódio é realmente escasso, apenas com uma menção ou outra a algum elemento da cultura pop, como O Mágico de Oz. Num geral, não há muito a se dizer, já que tudo que pode ser dito está reservado para os dois últimos episódios da temporada, que irão encerrar o arco e dar uma resolução à trama de AIDA. Ainda assim, algo pode ser dito: existirão consequências, tanto dentro quanto fora do Framework. 

Confira abaixo algumas imagens do episódio:

Agentes da S.H.I.E.L.D. vai ao ar todas as terças-feiras, na ABC. Não perca nossa review semanal, todas as quintas-feiras.

 

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux