Capa da Publicação

Alfre Woodard fala sobre seus papeis em Luke Cage e Guerra Civil!

Por Gus Fiaux

Em Guerra Civil, a atriz interpretou uma mãe lamentando pela morte de seu filho durante os eventos de Vingadores: Era de Ultron, e uma das motivadoras para a criação dos Acordos de Sokóvia. Entretanto, em Luke Cage, a atriz interpreta Mariah Dillard, uma senadora corrupta que trabalha ao lado de seu primo, Cornell “Boca de Algodão” Stokes.

Em entrevista ao DirectConversations, a atriz foi questionada sobre Guerra Civil – onde ela possui um papel pequeno, mas muito impactante, especialmente para construir a trama de Tony no filme -, e acabou falando sobre a importância das histórias em filmes de super-heróis sem o uso do CGI: “Você pode ter todos os efeitos visuais no mundo e gastar centenas de milhões de dólares neles, mas muitas vezes, as pessoas saem desses filmes pensando ‘Nossa, será que nenhum dos executivos presentes leu o roteiro?‘ Não importa quanta tecnologia você tenha, tudo sempre se resume ao roteiro e à narrativa.

Sobre o que a fascinou em Luke Cage, a atriz comentou: “Não são apenas políticos que são assim. O papel não chega a ser sobre o que estamos dispostos a fazer para conseguir o que queremos, mas sim o quanto nos rebaixaremos para fazer o que achamos ser certo e moral. Eu adoro Mariah porque a acho muito complexa, e gosto de interpretar personagens com quem nós nos esbarraríamos na vida real. Ela tem todas essas cicatrizes, mas também tem um lado brilhante.

Como atriz, eu amo isso. Sinto que ela é um ser humano de verdade. No caso, as pessoas sentem ‘Ah, posso me identificar com ela‘, até que a vida da personagem toma uma virada dramática e todos pensam ‘Ah, eu nunca faria isso‘. Mas é por isso que contamos histórias: para entreter também, mas principalmente para fazer o público refletir e se imaginar nessas situações.

Capitão América: Guerra Civil já está disponível em DVD e Blu-Ray. Luke Cage tem sua primeira temporada completa na Netflix.

Fonte: Heroic Hollywood

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux