Capa da Publicação

Joss Whedon e Robert Downey Jr. falam sobre Vingadores: Era de Ultron!

Por Gus Fiaux

Um dos problemas que os fãs já tem tido por antecipação com o filme é a mudança nas origens do Ultron, que nos cinemas, será criado pelo Homem de Ferro e não pelo Homem-Formiga. Sobre isso, Robert Downey Jr. revelou:

“Ele acaba metendo todo mundo em confusão, mas não está fazendo isso por razões egoístas. Ele está fazendo isso porque teve uma grande ideia que acaba tirando os Vingadores de ação por trapacear em uma situação que manterá o mundo seguro.”

Sobre a profundidade do filme e o medo dos fãs de que a história se perca em meio a sua grandiosidade, Joss revelou:

“É mais sobre se sentir diferente do que fazer maior. Digo, não teria problema se esse filme fosse menor que o anterior. Não será, porque eu já tenho personagens demais, mas ao mesmo tempo, ninguém estava procurando algo maior. Estamos procurando o que as pessoas amaram no primeiro e estamos fazendo algo bem diferente com esse sentimento. O fato de filmarmos pelo mundo inteiro e o fato de haver uma palheta completamente diferente, além de quase ficarmos loucos com as sequências indica que tudo está funcionando, eu acho, em sua devida intensidade. Mas se a intensidade emocional for maior, isso tudo não importa.”

Sobre Ultron, o vilão titular da continuação do épico de 2012, o diretor do filme disse:

“Ultron tem sido um grandioso vilão, e por ser um robô ele é bem diferente de Loki, e ele também dá a chance de criar um personagem que é realmente único, que divide com o Loki essa habilidade de entrar na mente dos Vingadores e mostrar-lhes seus erros. Mas diferente de Loki, ele não é estável. Ele é brilhante, mas um pouco radical, e traz a oportunidade para muito humor que você normalmente não relaciona com inteligências artificiais, e ao mesmo tempo ele é esse cara de dois metros de metal. Ele é bem imponente. E a combinação disso com a mente idiossincrática e extraordinária de James Spader dentro de seu corpo é simplesmente um delírio.”

Por fim, sobre o papel de Elizabeth Olsen e Aaron-Taylor Johnson como Feiticeira Escarlate e Mercúrio, Whedon falou o seguinte:

“Eles são fenomenais, esses dois, eles tem muita compostura e passam uma grande sensação de raiva. Os personagens de Lizzie e Aaron são completos malucos. Mas quando as câmeras começam a rodar, eles mexem os maxilares e encaram a lente, e você está ‘Não, não fica com raiva de mim!’, entende? Eles realmente investiram na dor que essas crianças sentem, e nunca sentiram medo de explorar um canto sombrio dentro de suas almas e trabalham a partir disso, o que é animador, porque eles trazem um sabor diferente para o que já experimentamos nesse tipo de coisa.”

Vingadores: Era de Ultron estreia no dia 23 de abril de 2015.

Fonte: Sci-Fi Now (via CBM)

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux