Capa da Publicação

O Espetacular Homem-Aranha 2: coordenadores de dublês revelam novos detalhes

Por Fernando Maidana

Os Coordenadores de dublês, Andy & James Armstrong tem trabalhado com Marc Webb desde 2010, quando começaram as filmagens de O Espetacular Homem-Aranha. A dupla, desde então, passou a consolidar relacionamento com o elenco e a equipe  acabou retornando para a sequência. Discutindo alguns detalhes interessantes sobre como veremos o cabeça de teia oscilando entre os prédios e quantas acrobacias Emma Stone executou, a dupla deu uma longa entrevista, prepare sua pipoca e leia abaixo!

Sobre os movimentos do Homem-Aranha.
James: Aprimoramos o que foi desenvolvido no filme anterior e passamos muito tempo trabalhando com Andrew.

Andy: Um dos primeiros resumos sobre o último filme foi que Marc queria tornar a ação muito mais real e fundamentada na realidade – tentando minimizar a quantidade de CGI foi usada. Nós demos um passo a frente, e eu disse que poderíamos tornar a ação mais real – que poderíamos fazer mudanças reais. Várias pessoas disseram que tinham tentado fazer as cenas dele se pendurando com dublês, mas acabou recorrendo a CGI.

Andrew vai ter mais cenas em que atuou sem dublê?
Andy: Sempre perguntam isso. Se Andrew vai fazer a cena ou se usará um dublê. Eles têm uma relação muito próxima, ele e os dublês, então vamos resolver isso com eles. Se há perigo envolvido, é melhor que os dublês façam, porque se se machucarem, é uma coisa triste, mas podemos substituí-los. Mas Andrew faz um monte de coisas, vendo as cenas nem eu mesmo consigo dizer quando é Andrew e quando é um dublê.

James: Sim.

Qual foi a coisa mais difícil Andrew fez no filme?
Andy: Um monte de balanços, um monte de quedas e tombos e andar na lateral de um caminhão. Passeou no teto de um carro da polícia. Um monte de coisas típicas do Andrew.

James:  Há um monte de coisas perigosas também.

Andy: É. Na semana passada, ele caminhou à beira de um edifício de 46 andares com apenas uma linha de segurança fina sobre ele. Não importa o quanto você diga a si mesmo que você está seguro ou qualquer outra coisa, temos que ter fé e garantir que está tudo certo. Se alguém fizer um cálculo errado… bem, você só cai uma vez.

James: Algumas pessoas não teriam coragem de fazer o que ele fez.

Andy: Ele é demais. Ele, realmente, é o ingrediente perfeito para um herói de ação.

Qual é a técnica de Giamatti? E a de Jamie Foxx?
Andy: Paul é realmente diferenciado. Sua performance é muito psicológica neste filme, mas ele, eventualmente, vai se tornar um personagem muito interessante. Nós construímos suas cenas em torno de comédia mais leve, fizemos uma cena com ele e Andrew em um caminhão, e é uma coisa muito clássica. Usamos dois dublês e o próprio Andrew na mesma cena. Paul consegue desempenhar momentos de comédia de forma fantástica e tem uma grande capacidade para trabalhar com situações diferentes.

James: Jamie é extremamente atlético. Ele tem uma grande capacidade, mas se menospreza. Ele acha que é abaixo da média, mas não é – ele é acima da média. Um grande cara.

Andy: Um cara muito, muito físico. Nós tivemos sorte com todo o elenco, realmente.

James: Tivemos. Eles realmente abraçaram a nossa maneira de fazer as coisas. Onde eles podiam faziam as cenas exigidas, quando achavam que era demais para eles os grandes dublês entravam em ação.

Emma Stone fez muito neste filme?
Andy: Sim, ela fez. Muito mais neste filme do que no último.

James: Muito do nosso trabalho é garantir que eles estão seguros e confortáveis. Ela já nos conhece há um bom tempo e sabe que não somos loucos. Se tiverem dúvidas ou preocupações, eles podem respirar fundo e dizer, ok, eu confio nestes caras. Eu gosto de pensar que eles se sentem orgulhosos quando conseguem fazer as cenas sozinhos. Como meu pai disse anteriormente, é um grande sentimento ver a pessoa real fazendo.

Alguma mensagem para os fãs?
Andy: Posso garantir que haverá muitos momentos de ação e que veremos o Homem-Aranha batendo em muitos bandidos, com certeza!

Sobre o tom do filme:
James: O filme não se leva muito a sério. É um filme leve e muito divertido. Tenho dois filhos pequenos e eles adoraram. Eles vivem para o Homem-Aranha.

Imagem de perfil
sobre o autor Fernando Maidana

Boa piada. Todos riem. Rufam os tambores. Cortinas se fecham.