Capa da Publicação

Henry Cavill e Michael Shannon falam sobre Man of Steel – “Zod não é um vilão”

Por Gus Fiaux

“Quando ia para escola, não havia nenhuma loja de gibis nas proximidades”, disse o ator britânico Henry Cavill quando perguntado se ele cresceu sendo fã da DC Comics e do super-herói icônico. “Mas assim que entrei pro elenco do filme, comecei a ter minha completa e real apresentação ao Superman”

Depois de ler muito e ver muitos filmes, Cavill se sente como se tivesse uma boa aderência ao personagem. “Consegui construir o personagem e manter essa linha de base e essas diferenças e adaptações que o roteiro necessita. Esta é uma coisa só nossa, autônoma. É sobre o Superman, mas não estamos copiando nenhum quadrinho em particular. E isso é uma coisa boa, afinal é uma história de origem”

Quanto ao General Zod, Michael Shannon disse: “Ele não é um vilão. Ele não é um vilão mais do que é um general disposto a proteger seu povo. Ele não quer machucar pessoas nem roubar diamantes, apenas quer fazer seu trabalho” – Diferente de Cavill, Michael Shannon não procurou informações para ajudar na caracterização do personagem, dizendo que, ao invés disso ele quer fazer o personagem de uma maneira diferente. “Acho que a maneira que Terence Stamp [Zod do filme Superman II em 1980] fez ele – e isto não é nenhuma crítica a sua performance – Mas acho que algo estava destacado ali… ódio, fúria, sei lá… Eu acho que isso [caracterização], é mais ambíguo” Quanto a seu uniforme, o ator disse que houve bastante captura de movimento nisso, senão, segundo ele, “a coisa de verdade teria me esmagado”

Falando ainda sobre uniformes, Superman sofreu uma mudança um tanto radical para Man of Steel: “Nós temos um absoluto respeito pelo que era – Até mesmo o Superman nas novas histórias [New 52] não possui cuecas. Ele tem um cinto vermelho, mas cuecas não. É hora da mudança” 

Fonte: CBM  

Imagem de perfil
sobre o autor Gus Fiaux

Formado em Cinema e Audiovisual pela UFPE. Crítico, roteirista e mago nas horas vagas. Wouldst thou like to live deliciously? || @gus_fiaux