Supergirl – Easter-eggs e referências em “Livewire”!

Capa da Publicação

Supergirl – Easter-eggs e referências em “Livewire”!

Por Mike Sant'Anna

Isso ocorreu pois no quarto episódio, chamado “How Does She Do It?”, seria focado em uma série de atentados terroristas, e infelizmente isso não foi muito apropriado pro momento, considerando os acontecimentos de Paris. Assim, a CBS trocou a ordem dos episódios e nós tivemos o episódio Livewire.

Vamos conferir alguns easter-eggs e referências aos quadrinhos.

Imagem de capa do item

Dirigido por...

Kevin Tancharoen, que dirigiu este episódio, é um nome familiar para os fãs de quadrinhos.

O diretor de Mortal Kombat: Legacy também já fez sua participação em Agents of S.H.I.E.L.D onde sua irmã Maurissa é a Showrunner, e ele também dirigiu alguns episódio em Flash, incluindo "All-Star Team-Up"

Imagem de capa do item

Rampage?

A alienígena feroz que nós vimos no começo do episódio, que cara acabou confundindo e chamando de "ele" pra depois ser corrigida por Henshaw.

Apesar de ser apenas referenciada no IMDB como "The beast" (A fera), existe uma semelhança com Kitty Faulkner, uma cientista do S.T.A.R Labs que acaba por se transformar numa fera fora de controle conhecida como Rampage.

Imagem de capa do item

Livewire

A vilã dessa semana foi a esperada Livewire que, assim como nos quadrinhos, ganhou seus poderes através de um choque elétrico e se virou para o crime após perder seu emprego na rádio. Geralmente ela é uma vilã do Superman.

No universo pós Flashpoint, ela tem sido uma vilã tanto para o Superman quanto para a Batgirl.

Um fato interessante é que a personagem foi criada primeiramente para a série animada do Superman, depois foi levada para os quadrinhos.

Imagem de capa do item

Conheça os pais

Nós já havíamos visto Dean Cain e Helen Slater -- conhecidos anteriormente por seus papéis como Superman e Supergirl, respectivamente -- no piloto da série, mas foi a primeira vez que vimos eles realmente fazendo algo.

E imagino que todos pegaram a referência de Dean Cain dizendo "Eu sei tudo o que tem pra se saber sobre o Superman".

Imagem de capa do item

"Você fez isso"

Henshaw diz para Kara que não foi o raio que deu poderes para Livewire, e sim o DNA kryptoniano de Kara somado ao raio que fizeram isso. Curiosamente essa foi a chave para a derrota de Hank Henshaw (Superciborgue) nos quadrinhos de "Reign of the supermen!" Quando um Superman sem poderes parecia inútil contra o Superman Ciborgue, quando um raio de Kryptonita passa pelo corpo do Erradicador -- que havia simulado um corpo kryptoniano pra si mesmo -- onde isso alterou e atingiu Superman, devolvendo assim os seus poderes.

Imagem de capa do item

Elemento X

Não, isso não foi uma referência às Meninas Super-Poderosas (Mas bem que podia ser). Quando Henshaw se refere à Kara como o Elemento X, nos quadrinhos ele é um elemento conhecido como o fogo dos deuses, um elemento descoberto pelos Novos Deuses.

É uma fonte de energia de nível cósmico, usado para alimentar dispositivos como as caixas maternas.

Imagem de capa do item

Agente Mulder

Essa é fácil. Quando Cat esqueceu o nome de Hank Henshaw (mesmo que seja o nome falso) ela o chamou de Agente Mulder, fazendo referência ao agente Fox Mulder de Arquivo X.

Imagem de capa do item

Agente Munro

Quando Henshaw corrige Cat, ele diz que seu nome é Agente Monroe, isso poderia ser uma referência à Iron Munro. Já que Henshaw provavelmente vai ser o Superman Ciborgue.

Nos quadrinhos ele "se passa" por Kal-El, depois dos acontecimentos da Crise das Infinitas Terras, o multiverso foi reconfigurado e todas as histórias da Era de Ouro do Superman foram modificadas para estrelar Iron Munro, e não o Superman.

Imagem de capa do item

Chá gelado

Essa é a segunda vez que Cat Grant deixa claro que ela está tomando uma bebida não-alcoólica em uma situação que seria aceitável e esperado onde ela estivesse tomando bebida alcoólica.

Isso pode ser muito bem uma referência da época dos quadrinhos onde Cat está se recuperando de ser uma alcoólatra.

Imagem de capa do item

Luz em uma garrafa

Quando o dispositivo que supostamente deveria prender Livewire é apresentado, você começa a pensar que já viu ele em algum lugar, ou pelo menos algo parecido, quando você de repente lembra que é muito parecido com o dispositivo de prender fantasmas do filme Caça-Fantasmas, Kara vem e joga a referência na tela pra você. Quase um Cisco Ramon versão de Krypton.

Imagem de capa do item

O pai de Winn

Espere muito mais dessa história.

O pai de Winlow Schott é na verdade o Homem dos Brinquedo (Toyman). Um vilão com décadas de história com Superman e diversas outras interações.

É interessante ressaltar que nos quadrinhos, o Homem Brinquedo é responsável pela morte do filho de Cat Grant, será que teremos isso abordado na série?

Imagem de perfil
Mike Sant'Anna

Eu sou o melhor no que eu faço, mas o que eu faço... É bem retardado.