Capa da Publicação

[CRÍTICA] Dragon Quest 11 – Posso pressentir o perigo e o caos!

Por Felipe Vinha

Dragon Quest 11: Echoes of an Elusive Age pode ser muitas coisas. Um jogo para novatos, um jogo para veteranos. Um RPG clássico. Um RPG moderno. Mas ele também é algo inegável: um dos melhores RPGs já lançados nos últimos tempos e o melhor do gênero que saiu este ano.

Duvida? Leia nossa análise completa e entenda.

Imagem de perfil
sobre o autor Felipe Vinha

Já tentei salvar o mundo de uma invasão alienígena, mas hoje me contento em ser jornalista. Gosto de quadrinhos e suas adaptações na TV ou cinema, animes, tokusatsu, games (de luta principalmente) e tecnologia. Vamos trocar uma ideia no Twitter @felipevinha